Fade - Desvanecer - Lisa McMann

Sinopse: Para Janie e Cabel a vida real está se tornando mais difícil do que os sonhos. Eles estão tentando (em segredo) passar um tempo juntos, mas ainda não tiveram esta sorte.
Coisas perturbadoras estão acontecendo em Fieldridge High, mas ninguém quer falar a respeito. Quando Janie penetra os pesadelos violentos de um colega de classe, o caso finalmente se torna claro, mas nada sai como planejado.
A cabeça confusa de Janie e o comportamento chocante de Cabe têm graves consequências para ambos.
Pior ainda. Janie Descobre a verdade sobre si mesma e sua habilidade. E é desolador.
Realmente desolador. Não só o seu destino está selado, como o que está por vir é muito mais sombrio do que seu pior pesadelo... (Skoob)
McMANN, Lisa. Fade: Devanecer. Novo Século: 2010. 240 p.


Janie agora trabalha para a Capitã e seu dom de apanhadora de sonhos já se mostrou útil para conseguir provas e colocar criminosos na cadeia. Depois de muito tempo vivendo sem alguém com quem realmente pudesse contar, Cabel se tornou o namorado perfeito e tanta felicidade era algo surpreendente para ela, mesmo que isso ainda precisasse ser mantido em segredo por motivos de trabalho.

Uma nova missão, no entanto, pode abalar sua nova situação. Uma suspeita de abuso sexual dentro da escola coloca Janie e Cabel trabalhando juntos novamente, mas esse caso parece ser ainda mais perigoso. E tanta preocupação acaba afetando Cabel, que age de maneira mais e mais estranha. Além de tudo isso, Janie recebe arquivos sobre a vida da Senhora Stubin, outra apanhadora de sonhos, e descobre as consequências que seu dom de entrar nos sonhos de tantas pessoas pode trazer para sua própria vida.


"- Então - diz ele, com cuidado -, é você mais seis outros alunos nesta viagem, além do Durbin. E sua acompanhante?
Janie dá uma olhada de relance para ele, tirando os olhos do livro de química.
- A senhora Panquecas.
Cabel rabisca algo em seu caderno.
- Quatro garotas. Vocês vão ficar no mesmo quarto?
- Não, pensei em dormir no quarto de Durbin - diz Janie.
- Ha! Ha! Ha! - ri, olhando para Janie com uma raiva fulminante nos olhos. Então joga o livro de química de Janie para o lado e ataca-a. Enterra os dedos nos cabelos dela e beija-a - Você está pedindo para se meter em encrenca, Hannagan - diz ele, praticamente rosnando.
- E isso seria...? - diz Janie, junto com várias risadinhas.
- Encrenca." (Pág. 100)


A série Wake, de Lisa McMann, tem vários fatores que a tornam bastante atraentes: uma história original, personagens bem definidos, uma mocinha forte e um cara que nos faz suspirar. Muito tempo depois de ter lido o primeiro livro, ler Fade foi uma experiência praticamente nova. Isso porque, apesar de já conhecer alguns dos aspectos positivos e negativos da história, eu não lembrava de muitos detalhes, e fui redescobrindo conforme prosseguia.

A história desse livro é ainda mais envolvente que a do primeiro, pois lembro de o ter terminado com a sensação de ser mais ou menos. O segundo possui mais mistérios, novos fatos e informações em relação ao dom de Janie - que ironicamente não é tão utilizado nesse livro - e o amadurecimento de Janie e de Cabel quanto às suas inseguranças e aos seus traumas. Não chega a ser um livro intenso, entretanto, ele se limita ao interessante.

Há também em Fade o amadurecimento da relação dos protagonistas, em que se pode ver uma maior cumplicidade e aquela sensação de ter alguém com quem contar, o que nenhum dos dois tinha até estarem juntos. O Cabel é um personagem forte e frágil ao mesmo tempo, de uma forma apaixonante, que faz querer proteger e ser protegida. Janie também é parecida e, apesar de gostar de sua personalidade, não quero nada com ela, rsrs.

O único e grande problema do livro, assim como do anterior também, é a narração. Para algumas pessoas isso até pode ser um ponto forte, já que vai direto ao ponto, mas para mim, é seca demais. Além de ser extremamente objetiva, é feita no presente. Demorei muito tempo para me acostumar a ler algo no estilo: "Janie acorda. Se dirige à casa de Cabel. Ele fica feliz em vê-la.". As únicas partes bem elaboradas são os diálogos, o restante me pareceu bem superficial, impedindo de criar uma ligação mais sentimental com a história do livro.

É um livro bom e de leitura rápida, que não aborda temas muito pesados mas também não é uma história bobinha. É um livro agradável, para quem se interessa por leituras mais amistosas.

Ju - Conjunto da Obra
Ju - Conjunto da Obra

Apaixonada pela leitura desde a infância, tantos livros lidos que é impossível quantificar. Alguém que vê os livros como uma forma de viajar o mundo e lugares mais incríveis que possam ser criados pela imaginação, sem precisar sair do lugar. Tem o blog como uma forma de dividir experiências e, principalmente, as emoções que as leituras despertaram, para compartilhar idéias e aproveitar sugestões de leitura, envolvendo mais e mais pessoas em um mundo onde a imaginação não tem limites.

14 comentários:

  1. Oi Julia!
    Não li os livros anteriores, então não entendi muito coisa da resenha xD
    Mas eu também não curto narrativas no presente... Acho estranho!

    Beijos,
    Sora - Meu Jardim de Livros

    ResponderExcluir
  2. Oii Julia!
    O livro que mais gostei dessa série foi o primeiro. Mas, também gostei de Fade.
    O que eu menos gostei foi o último...
    Depois vou querer saber a sua opinião. :)
    Beijos!!

    ResponderExcluir
  3. Não sei nada sobre essa série, HUAHA.
    Também não gosto muito de narrativa no presente. É estranho..

    Beijos.

    ResponderExcluir
  4. Nao me lembro de ter lido nenhum livro com narrativa no presente deve ser estranho e interessante ao mesmo tempo, rs.

    Já li algumas criticas sobre a serie e ela parece ser legalzinha.

    Beijos, Caline
    Mundo de Papel

    ResponderExcluir
  5. Olá!
    Ainda não tive oportunidade de ler esta série, mas fiquei com vontade de ler! Pelo que diz é bom de ler!!

    Bjinhs
    http://diariodeincentivoaleitura.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  6. adoro esse livro ;u; to louca pra ler a continuação

    http://himi-tsu.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  7. Awn, não li, porque não li o "Wake". Por pura falta de vergonha na cara, admito, comprei ele há um tempão e está totalmente encostado na minha estante. Ai ai :S
    Beijones,

    Rachel Lima
    http://corujando.org

    ResponderExcluir
  8. Ei Julia,

    Não li tudo porque até hoje não comecei a série, tenho os livros em casa, falta é tempo mesmo rs.

    bjos

    ResponderExcluir
  9. Quero muito ler essa série, aliás, eu quero ler muita coisa rs mas o tempo é cruel.
    Mas a minha meta é pegar o 1° livro agora em março.
    BJos

    ResponderExcluir
  10. Oi Julia!
    Mudou o lay do blog né? Ficou lindo *-*
    Tenho vontade de ler essa série, mas vivem falando mal da narração, que acabo ficando com o pé atrás :/

    Beijos, Kamila
    http://vicio-de-leitura.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  11. Não tenho muuuuuuita vontade de ler esse livro, Ju! Hahahaha

    Essa série não me chama muita atenção, e eu já tenho tantos livros pra ler aqui que acabo deixando passar. rs
    Mas a resenha tá ótima, como sempre.

    Beijocas

    ResponderExcluir
  12. Sempre ouvi muita gente reclamar da narração do livro, que é algo muito cru e diferente do que estamos acostumados.
    Tenho o primeiro volume, mas ainda não li. Confesso que eu já tive mais urgência em ler essa série. Atualmente não sinto mais tanta vontade, mas ainda assim, pretendo ler quando tiver um tempinho sobrando!

    Bjs,
    Kel
    www.itcultura.com

    ResponderExcluir
  13. Oi Julia.
    Tenho vontade de ler essa série pelo fato da narrativa ser diferente, pois adoro coisas originais! Porém ainda não tive oportunidade, mas espero um dia poder ler.
    Beijos.

    http://booksedesenhos.blogspot.com

    ResponderExcluir
  14. Ei Julia!

    Também acho a narrativa seca.
    A história não me conquistou.

    Bjins

    ResponderExcluir

Agradeço muito sua visita e peço que participe do blog, deixando um recadinho. Opiniões, idéias, sugestões, são muito importantes para fazer o blog cada vez melhor!
Assim que possível, retribuirei a visita.

Beijos, Julia G.