Doce Traição - Alexandra Sellers

Sinopse: O que teria trazido Desiree Drummond ao desértico país do sheik Salah Al Khouri? Ele sabia que ela possuía motivos ocultos. Afinal, não fora sempre assim? Ele a havia deixado escapar antes, mas não cometeria o mesmo erro duas vezes. Um pedido desesperado havia levado Desiree de volta a Salah. Embora o homem que a olhava com olhos tão frios fosse muito diferente do jovem galante por quem se apaixonara, ela lutaria por seu objetivo: impedir seu casamento de conveniência... a qualquer custo! (Skoob)
SELLERS, Alexandra. Doce traição. Harlequin, 2010. 183 p.


Desi e Salah se conheceram no início de suas adolescências, e acabaram se apaixonando. Ele, de uma país islâmico, e ela, com ideais ocidentais, não viam na diferença cultural problema para o amor que sentiam. Mas essa diferença logo interferiu em seu relacionamento, e os desolou tudo o que eles haviam construído.

Dez anos depois, contudo, um pedido desesperado faz com que Desi vá ao encontro de Salah. Seu objetivo: seduzi-lo para impedir que ele se case. Ela, agora uma modelo famosa, tem ainda mais poder sobre os homens, e vai se usar disso para chegar a onde deseja. Desi só não esperava que a influência de Salah sobre ela fosse ainda tão forte, e que mais algumas noites de amor poderiam arrasar novamente com seu coração.

- É hora de deixar isso para trás - Ele continuou. - Temos uns poucos dias juntos. Quero enterrar o passado de uma vez por todas [...].
- E de que forma dormir comigo por alguns dias vai libertar seu coração? - ela finalmente perguntou.
- Não consigo tirá-la da cabeça, Desi, nem a lembrança daquele amor sexual que fazia a terra tremer. Nada se igualou a isso, mas é porque nada pode se igualar. Não se pode igualar nada a um sonho [...].
Ela queria dizer a ele como tinha sido para ela. A tristeza dilacerante, a ânsia infindável por aquela ligação de almas, a determinação de esquecer. [...] E o choque terrível de ver Salah novamente, de descobrir que o amor talvez ainda continuasse vivo. (Pág. 101)

Um leve romance de banca, Doce Traição, de Alexandra Sellers, fluiu tão rapidamente que quase não se vê passar. Com um narrador onisciente e bastante envolvente, é recheado de figuras de linguagem que conferem certa subjetividade às passagens do texto. Apesar de tratar de mágoas do passado do casal - tópico quase essencial nesse tipo de narrativa -, tudo é abordado de maneira tão positiva que, ao menos, não dá aquela sensação de estar se afogando em um mar de tristezas.

Gostei dos personagens principais, que eram bem construídos em comparação a outros romances assim. Uma coisa que chamou muita atenção era a ingenuidade presente em Salah, mesmo com a dureza que o sofrimento trouxe ao seu semblante, e eu gostei ainda mais do personagem por causa disso. Desi era uma mulher que aprendeu com a vida, mas que ainda carregava muito da garota que foi.

As figuras de linguagem que citei, no entanto, não foram tão enriquecedoras quando poderiam e, na maioria dos casos, pareciam enrolação sem nexo. Outra coisa não tão positiva é que as cenas pareciam seguir certa rotina, e já podia se prever o que eles fariam durante as manhãs, tardes e noites que se passavam.
Mesmo assim, trata-se de uma leitura rápida e gostosa para uma tarde chuvosa, como a que faz hoje por aqui. Não fará diferença para a vida de ninguém, a não ser deixar alguns românticos aos suspiros.
Ju - Conjunto da Obra
Ju - Conjunto da Obra

Apaixonada pela leitura desde a infância, tantos livros lidos que é impossível quantificar. Alguém que vê os livros como uma forma de viajar o mundo e lugares mais incríveis que possam ser criados pela imaginação, sem precisar sair do lugar. Tem o blog como uma forma de dividir experiências e, principalmente, as emoções que as leituras despertaram, para compartilhar idéias e aproveitar sugestões de leitura, envolvendo mais e mais pessoas em um mundo onde a imaginação não tem limites.

12 comentários:

  1. Não conhecia essa obra, mas parece ser divertida de ler. Provavelmente não a lerei, porém achei interessante sua resenha e deu para ver que a estória deve ser legal.
    Beijos,
    Rafa
    http://laviestallieurs.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Oi Ju!
    O livro parece ser super gostoso de ser lido, ainda que tenha suas falhas.
    Me deixar aos suspiros é sempre algo positivo ;)
    Beijão!

    ResponderExcluir
  3. Parece um livro leve, do tipo que eu gosto de ler apenas para passar o tempo.

    Carissa
    http://artearoundtheworld.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Boa noite Julia,

    Não conhecia esse livro e não gostei da capa, mas gostei da sua resenha, apesar de achar um pouco romantico demais, não é o estilo de romance que gosto...abçs.

    http://devoradordeletras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Nossa que saudade dos romances de banca, nunca mais consegui ler nenhum. Eles são aquele tipo de leitura feita pra entreter mesmo, sem muito drama e histórias complexas. Além disso ainda tem aquelas cenas calientes que são super bem vindas.

    Beijos
    Caline - Mundo de Papel

    ResponderExcluir
  6. HUm, esse livro parece ser bem interessante
    Fiquei curiosa a respeito e essa capa é bem chamativa

    Beijos
    @pocketlibro
    http://pocketlibro.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  7. oi Ju,
    saudades do seu blog, andei meio sumida por causa da facul, mas agora estou de férias, 0//
    Adoro romance de banca, mas confesso que não curto muito os livros da Alexandra, porem vou dar uma chance para DOCE TRAIÇÃO. ^^
    BEIJOS.

    ResponderExcluir
  8. Oi Julia!
    Acho que já comentei aqui que nunca li romances de banca. Ganhei um recentemente e já havia comprado dois mas não tive ainda oportunidade de ler. Acho que os livros são em geral, bem previsíveis né? Mas que bom que gostou e com certeza seria uma dessas românticas suspirando!

    Beijos.

    ResponderExcluir
  9. Oi Julia!
    Esses livrinhos são previsíveis mesmo, mas adoro ^^
    Legal que nesse pelo menos, os personagens foram bem construídos.

    Beijos,
    Sora - Meu Jardim de Livros

    ResponderExcluir
  10. Ainda não só fã deste tipo de leitura, mas sei que aqui posso adquirir várias dicar de bons romances de banca para ler.

    Beijos. Tudo Tem Refrão

    ResponderExcluir
  11. Sou romântica, mas se não faz diferença na minha vida eu procuro evitar. Prefiro livros que causem impacto sobre mim!

    Beijos
    Bia | www.livroseatitudes.com.br

    ResponderExcluir
  12. Ah!!! Eu adoro um bom romance de banca rs... claro que nem todos são bons e uns são muito apelativos rs... mas tem uns que faz a gente se sentir nas nuvens, principalmente os romances históricos.

    Esse que você resenhou eu não conhecia ainda, mas parece aquele livro bom para se ler no fim de tarde.

    bjus;**

    anereis.

    mydearlibrary | bookreviews • music • culture
    @mydearlibrary

    ResponderExcluir

Agradeço muito sua visita e peço que participe do blog, deixando um recadinho. Opiniões, idéias, sugestões, são muito importantes para fazer o blog cada vez melhor!
Assim que possível, retribuirei a visita.

Beijos, Julia G.