Ainda não te disse nada - Mauricio Gomyde

Sinopse: "Ninguém mais escreve cartas hoje em dia", Marina pensava. Até que um dia uma caiu em suas mãos por engano e mudou o rumo de sua vida. Levou-a ao lugar que ela sempre sonhou. E a conhecer o amor do jeito que nunca imaginou, da forma mais improvável do mundo... (Skoob)
GOMYDE, Mauricio. Ainda não te disse nada. Porto 71, 2011. 236 p.
 

Existem algumas histórias com o poder de sugar o leitor para além daquilo que está escrito; as palavras já não são mais vistas como palavras. O que se vê são imagens, são sorrisos, e até sentimentos. E foi exatamente assim que se desenvolveu Ainda não te disse nada, de Mauricio Gomyde.

Com o sonho de buscar seu futuro no mundo da moda, como estilista, Marina deixa a família e a pequena cidade onde creceu para tentar o mundo em São Paulo. Na escola de moda onde estava matriculada, fez algumas amigas para a vida toda: Francine e Thaís. Assim como também Dona Jane, sua colega de trabalho na agência dos Correios.

Sua rotina não poderia ter outro nome, principalmente porque, todos os dias, seus horários e atividades se repetiam. Até que, por um encontro brevíssimo com Julia - uma cliente da agência onde trabalhava -, tudo mudou. Ela, que pensava que ninguém mais mandava cartas hoje em dia, se vê com uma em mãos, e precisa decidir se assume a incumbência de responder, para não deixar que aquelas belas palavras de Heitor tenham sido registradas em vão. E escrever uma carta de resposta poderia ser muito mais importante para Marina do que ela poderia supor.


"- Ih, desse jeito você nunca vai saber qual é o prazer de escrever... Fechar o envelope... Selar...
Marina acompanhou, de boca aberta, o ritmo das palavras da Dona Jane.
- ... Postar... Esperar a resposta por dias... Receber... Saborear a letra da pessoa... Imaginar o momento em que ela escreveu cada linha - Dona Jane olhou para cima, fechou os olhos, sorriu e continuou, lenta: - Não vai saber como é bom sentir a presença da pessoa ali... Naquele papel [...]" (p. 18)


Com uma narrativa e linguagem simples, Mauricio Gomyde consegue encantar. A proposta do texto também preza pela ausência de complexidade, mas é este aspecto que torna a leitura tão prazerosa. Nas belas frases inseridas nas páginas do livro, pode-se tirar tantas lições quanto se desejar. Mas a principal delas, é sobre a força dos sonhos, especialmente quando se tem os pés no chão.

Os sonhos que Marina não são poucos nem fáceis. Mesmo assim, ela sabe que não pode perder o foco e simplesmente devanear. Ela luta por eles de maneira racional, trabalhada, metódica. E sabe-se que é essa a diferença entre quem apenas sonha e quem busca e consegue realizar.

Apesar de algumas passagens com os personagens secundários estarem ali apenas para mostrar os que se faziam presentes na vida de Marina, sem uma relevância real para a história, eu gostei muito da maioria deles. Os irmãos da protagonista eram especialmente interessantes, ainda mais quando tinham personalidades tão diferentes, como opostos que se complementavam. Francine e Thaís davam um ar de graça à trama, e apesar de não ter criado um vínculo mais aprofundados com as personagens, gostei muito delas.

É impossível deixar de gostar do livro, e eu fiquei suspirando com o final. Ainda que eu soubesse, antes de ler, o que realmente iria acontecer no final por dedução, nada tirou seu brilho. Acho que apenas fiquei querendo mais, aquele epílogo não foi o suficiente para mim. Para os que gostam de um livro leve e um romance fofo é mais do que indicado.
Ju - Conjunto da Obra
Ju - Conjunto da Obra

Apaixonada pela leitura desde a infância, tantos livros lidos que é impossível quantificar. Alguém que vê os livros como uma forma de viajar o mundo e lugares mais incríveis que possam ser criados pela imaginação, sem precisar sair do lugar. Tem o blog como uma forma de dividir experiências e, principalmente, as emoções que as leituras despertaram, para compartilhar idéias e aproveitar sugestões de leitura, envolvendo mais e mais pessoas em um mundo onde a imaginação não tem limites.

22 comentários:

  1. Oi Julia!
    Eu estou numa fase de ler muitos romances e fico aqui que nem louca procurando livros com esse tema que possam me agradar. Esse pelo visto reúne aspectos que me interessam bastante. Eu adoro receber cartas e acho uma pena que a maioria das pessoas não tenha mais interesse nisso. Não tinha parado para ler nenhuma resenha desse livro e acho uma pena pq acabei perdendo tempo em comprar o livro.
    Adorei e quero já na minha estante! =D
    Beijos!

    ResponderExcluir
  2. Oláaaa! Nooossa esse livo deve ser bom *.*
    Eu adooooro cartas :DDDDDD mesmo que a maioria das pessoas nem utilizem mais =\

    Supeeeer beijo

    http://estoulendoo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. oi julia
    que bom q vc gostou do livro!
    eu ainda n li nda do autor, tenho o livro dele mundo de vidro que ja comecei a ler váaarias vezes, mas n sei pq a leitura simplesmente n segue em frente :x

    tem postagem nova no blog!
    espero sua visita!
    bjinhus

    TÍTULOS DE LIVROS

    ResponderExcluir
  4. Mais uma resenha positiva em relação a esse livro que me faz ficar mais interessada ainda nele <3

    Beijos
    Meu outro lado

    ResponderExcluir
  5. Esse livro é muito bom e não da para desgrudar dele! Já que em seu ultimo livro O mundo de Vidro Mauricio abusou bastante do humor, nesse ele caprichou no romantismo. E ficou muito gostoso de ler.
    E uma um detalhe bem interessante é que tanto neste livro quanto no O mundo de vidro, o autor sempre coloca coletâneas de musicas e nesse tivemos Beyoncé, Adele, entre outros...

    Beijos
    @pocketlibro
    http://pocketlibro.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  6. Ai Ju, também achei que o epílogo não foi suficiente, mas só porque eu ainda leria muito mais sobre como tudo se desenrola! De qualquer forma, sei que é exatamente o fato dele ser curtinho assim que deixa a gente suspirando, o que dá graça é o gostinho de quero mais, né?
    Enfim, eu também amei o livro e acho que "encantador" é a melhor maneira de descrevê-lo! E eu adorei os irmãos dela e as amigas também!
    Beijão!

    ResponderExcluir
  7. Ju, eu amei "Ainda Não Te Disse Nada", é tão leve, bonito, mágico, eu simplesmente adorei a escrita do Mauricio! Mesmo gostando muito do livro, acho que ele terminou bem a tempo, só podia ter alongado um pouco, mas... Gostei muito dos personagens, super bem construídos, fora o senso de humor deles, rsrs! Assim como a Aione, definiria o livro como 'encantador', haha! Sua resenha descreveu bem o que eu senti com o livro!

    Beijos

    ResponderExcluir
  8. Oie Julia =)

    Os livros do Mauricio possuem essa mágica mesmo. Li O Mundo de Vidro dele ano passado eu gostei bastante.

    Quero muito ler Ainda não te disse Nada, mas a fila aqui está grande rs... mas depois da sua resenha vou ter que dar um jeitinho. Sério fique super curiosa *-*

    Amei!

    bjus;***

    anereis.
    mydearlibrary | bookreviews • music • culture
    @mydearlibrary

    ResponderExcluir
  9. Olá Julia!
    Li esse livro já faz bastante tempo e confesso que fiquei encantada. Minhas impressões durante a leitura foram bem parecidas com as suas, o Mauricio Gomyde sem dúvida me surpreendeu muito, ele é um dos meus autores nacionais preferidos. Enfim, parabéns pela resenha, ficou ótima:)

    Beijos&beijos
    Book is life

    ResponderExcluir
  10. Olá!
    Eu tbm adorei ler este livro, é uma história linda e envolvente.
    Eu achei o tema das cartas muito interessante e o final lindo!

    Bjinhs*

    ResponderExcluir
  11. Oi Julia!
    Ainda não tive a oportunidade ler este livro apesar de ter ele em casa. Até hoje só li um livro do autor e realmente parece ser uma ótima característica dele a fácil linguagem e essa leveza que nos leva direto à vida dos personagens. Quero muito lê-lo e acho que também terminarei a leitura suspirando!
    Beijos.

    ResponderExcluir
  12. Pelo que vi você também curtiu muito o livrooo! EU li e ameii demais...Ficou com nota 10 em tudo lá no blog, apesar do final um pouco previsível! Mas vale muito a pena ler!

    Beijos!
    Paloma Viricio- Jornalismo na Alma.

    ResponderExcluir
  13. Desde que li sobre esse livro pela primeira vez adorei o enredo: de fato, é instigante alguem ainda mandar cartas hoje em dia. É ótimo saber que a história faz jus!

    ResponderExcluir
  14. Oie...
    Já tinha visto esse livro mais nunca tinha lido nenhuma resenha sobre ele, e gostei muito da sua parabéns! =]
    gosto muito de livros desse estilo
    Dica anotada!

    Obg pela visita lá no blog!
    tem resenha nova lá se vc quiser ir lá e deixar um coment...
    http://falleninme.blogspot.com
    Bjão

    ResponderExcluir
  15. Oi Ju!
    Eu li esse livro no final do ano passado e gostei TANTO. <3
    Realmente, o Mauricio faz você entrar na história de uma forma tão gostosa. :)

    Um beijo,
    Luara - Estante Vertical

    ResponderExcluir
  16. O livro é uma delícia, realmente é difícil não gostar. Acho que até hoje só vi uma resenha negativa dele...
    O Maurício escreve de uma forma muito simples, que conquista o leitor!

    Bjs,
    Kel
    www.itcultura.com.br

    Mudamos de endereço hein ;)

    ResponderExcluir
  17. Bom saber que gostou, estou com ele aqui..Não lembro de ler alguém falando que não gostou, isso me motiva ainda mais para lê-lo. A capa é bem interessante, essa árvore com as cartas. E ee é fino, a leitura deve ser rápida, associada a boa história..

    beijos :D

    ResponderExcluir
  18. Oi Julia!

    Já li muitas resenhas maravilhosas sobre o livro do Gomyde,contando o quão maravilhosa é a história e sensível tb,alguns considerando o livro como um dos melhores que já leram.
    Bjos Fabi
    http://roubando-livros.blogspot.com

    ResponderExcluir
  19. Awn esse livro parece mesmo foi e delicado Ju. Adoraria ler, com certeza irei procurá-lo.
    Gostei bastante da resenha fofa.
    Beijoo!

    ResponderExcluir
  20. Oi Julia!
    Esse livro parece ser ótimo, aliás, todos falam super bem dos livros desse autor.

    Desculpe pelo sumiço, eu estava de férias, mas aos poucos estou voltando à blogosfera ^_^

    Beijos,
    Sora - Meu Jardim de Livros

    ResponderExcluir
  21. Só li resenhas super positivas sobre esse livro por aí, e a minha foi uma delas. O Mauricio consegue prender o leitor mesmo, de uma forma que poucos conseguem. A ausência de complexidade, que você cita, é o diferencial dele - é o que eu percebo - porque ele consegue emocionar, nos fazer rir, sentir raiva e tudo o mais com palavras simples! Eu estou ansiosíssima pra ler seu novo livro, porque estou na expectativa de algo à altura desse.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  22. Oi Julia!
    Li um livro do escritor e apreciei muito o trabalho dele, este aqui parece seguir a mesma linha, um belo romance, daqueles que nos fazem sorrir e chorar, e que prendem o leitor a cada página.
    Bjos!!
    Cida
    Moonlight Books

    ResponderExcluir

Agradeço muito sua visita e peço que participe do blog, deixando um recadinho. Opiniões, idéias, sugestões, são muito importantes para fazer o blog cada vez melhor!
Assim que possível, retribuirei a visita.

Beijos, Julia G.