O Sobrinho do Mago - C. S. Lewis


Digory e Polly, crianças visinhas moradoras de Londres, descobriram uma passagem que poderia os levar à "casa mal assombrada" da rua. Tudo o que eles queriam era um pouco de aventura, mas não poderiam imaginar o que iriam encontrar. Por engano, eles param no sótão secreto da casa de Digory, que é o reduto onde Tio André pratica sua magia: e é através dela e dos anéis encantados que os garotos vão parar no Bosque entre os mundos; de lá, podem ir muito mais longe, e é lá que eles vêem mundos que morrem e outros que nascem... como Nárnia.

O sobrinho do mago, primeiro livro das Crônicas de Nárnia em ordem cronológica, é um volume mais introdutório; isso, porém, não impede que C. S. Lewis insira elementos bastante interessantes que nos permitem curtir a leitura, já que se trata de uma história criativa e original.

Narrado em terceira pessoa, a impressão é a de que o autor conversa com o leitor e conta uma história como a um conhecido, o que pode parecer estranho no início. Essa estranheza logo se esvai e a história fica mais divertida com a utilização dessa "ferramenta". O livro é realmente para todas as idades; sente-se até bastante ingenuidade nas descrições e a sensação é a de estar lendo um conto de fadas infantil, mas que não deixa de agradar aos mais velhos.

Particularmente, gostei da história, mesmo que não possua grandes acontecimentos. É, como citei, um texto introdutório, que serve para dar explicações e fundamentos a todos os demais, coisa que, inclusive, se pode deduzir ao fim do texto e da próxima história: O leão, a feiticeira e o guarda-roupa.


Ju - Conjunto da Obra
Ju - Conjunto da Obra

Apaixonada pela leitura desde a infância, tantos livros lidos que é impossível quantificar. Alguém que vê os livros como uma forma de viajar o mundo e lugares mais incríveis que possam ser criados pela imaginação, sem precisar sair do lugar. Tem o blog como uma forma de dividir experiências e, principalmente, as emoções que as leituras despertaram, para compartilhar idéias e aproveitar sugestões de leitura, envolvendo mais e mais pessoas em um mundo onde a imaginação não tem limites.

16 comentários:

  1. Oi, Julia!
    Nunca li nada das crônicas, nem cheguei perto disso pra ser sincera, mas tenho vontade.
    Gostei do desafio porque já ouvi dizer que é cansativo ler uma crônica atrás da outra ;)
    E, não gosto quando o narrador tenta ser "amigo" do leitor. Não acho que seja a função dele, então não sei se daria certo comigo nem depois de estar acostumada com isso.

    Gislaine Alves
    atualizado, comenta?
    Jeito Inédito

    ResponderExcluir
  2. Oi Julia, tudo bem?
    Estou lendo essa crônica e também reparei nisso, a linguagem simples com que Lewis nos conta sua estória, e mesmo sendo uma estória aparentemente para crianças, estou gostando e muito.
    Abraços,
    Amanda Almeida
    Você é o que lê

    ResponderExcluir
  3. Que legal *-* sempre tive vontade de ler. E um texto introdutório não ser cansativo é legal, difícil isso acontecer. Fiquei com vontade! *-*

    ResponderExcluir
  4. Oi Julia! Eu quero muito conhecer as crônicas que não foram para telas, para quem é fã deve ser ótimo saber como foi que tudo começou. BJos!! Cida

    ResponderExcluir
  5. Eu sou louca pra comprar aquele livro gigante com a história completa. Amei esse desafio, só me fez coçar para comprar logo.

    Beijos. Tudo Tem Refrão

    ResponderExcluir
  6. Oi Ju!
    Pretendo ler essa série um dia!
    Mesmo que o livro seja mais introdutório, é valido se ele for envolvente e proporcionar uma boa leitura, o que parece ser o caso!
    Beijão!

    ResponderExcluir
  7. Ju, estou para começar a ler todas as crônicas na próxima semana. Amei ver vários blogs com esse desafio! <3

    Um beijão,
    Pronome Interrogativo.
    www.pronomeinterrogativo.com

    ResponderExcluir
  8. Oie Ju
    não curti o filme, e por esse motivo nunca me aprofundei a conhecer as crônicas de narnia, e só agora soube que tinha mais livros que completavam a leitura desde.
    Boa sorte com o desafio.
    bjo

    ResponderExcluir
  9. Nunca li os livros dessa crônica,só os filmes,mais adoro os livros em terceira pessoa.
    beijos

    ResponderExcluir
  10. Olá!
    Que bom que você curtiu a leitura! Realmente O Sobrinho do Mago é um livro muito gostoso de se ler e têm-se a impressão de o autor estar contando a história para o leitor como se fosse um conhecido mesmo.
    Gosto muito dessa série, inclusive dos filmes! O que lamento é que não investiram muito, e eles não estreiam todo o ano. Mas dizem que a próxima adaptação será exatamente O Sobrinho do Mago; agora é esperar pra ver.
    Parabéns pelo blog!
    :-D

    ResponderExcluir
  11. OLá Julia,

    Tenho o volume único das Crônicas, mas por causa das parceria irei demorar para ler...parabéns pela resenha...abçs.

    http://devoradordeletras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Nunca li nada de As crônicas de Nárnia. Nem sabia que o primeiro era esse. Um dia pretendo ler.

    Beijos,

    Carissa
    www.carissavieira.com

    ResponderExcluir
  13. Oi Ju! Tenho muita vontade de ler os livros, mas confesso que tenho certo receio, já que muitas pessoas dizem que a escrita e linguagem é cansativa e monótona, mas de qualquer forma, isso não tira minha vontade de conhecer melhor a história! Vou ver se pego um dia desses pra ler!

    Beijos

    ResponderExcluir
  14. Muito legal a resenha. Tenho muita vontade de ler Narnia em etapas tambem :)

    www.redbehavior.com

    ResponderExcluir
  15. Estou querendo participar desse concurso no blog da Babi, eu já deixei meu comentário lá só para não esquecer, em breve irei ler essa mesma crônica que você e irei participar.

    Beijão.
    clicandolivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  16. ai eu quero ler!!!! *-*
    adoro demais os livros desse autor! ele arrasa!!!
    lelusantos.wordpress.com

    ResponderExcluir

Agradeço muito sua visita e peço que participe do blog, deixando um recadinho. Opiniões, idéias, sugestões, são muito importantes para fazer o blog cada vez melhor!
Assim que possível, retribuirei a visita.

Beijos, Julia G.