Essa Semana... #51


Olá pessoal, que semana, hein?
Mudanças no cenário político, novidades para o país, entre outras coisas... E com certeza com vocês tem acontecido coisas diferentes também ;)
Mas, vamos ao que interessa por hoje?


Leitura do momento:


Estou lendo Bruxos e Bruxas, de James Patterson e Gabrielle Charbonnet, e também O Próximo Alvo, de Marcel Trigueiro.


Li essa semana:



Terminei Sociedade Secreta - Sob a Rosa e A Lenda do Lago Dourado, que já tem até resenha aqui no blog.

Resenhei:

- Na Companhia das Estrelas, de Peter Heller;
- A Lenda do Lago Dourado, de Edson Vanzella Pereira.

Hey, Mr. Postman:

Nunca achei que ficaria feliz por não ter chegado nada :)

E mais no blog essa semana: 

Por aqui teve também Novidades, resposta a Selinhos e Promoção:


Um beijo!


Leia Mais
25 comentários
Compartilhe:

Hangout com Debbie Macomber

Olá queridos ;)
Hoje vim rapidinho anunciar mais um Hangout que está sendo promovido pela Editora Novo Conceito, deste vez com a autora Debbie Macomber.

Debbie Macomber é uma das principais vozes femininas na literatura norte-americana. Sete de seus romances chegaram ao primeiro lugar da lista de mais vendidos do The New York Times, com três deles estreando em primeiro lugar nas listas do The New York Times, do USA Today e do Publishers Weekly. Debbie vendeu mais de 160 milhões de cópias de seus livros em todo o mundo. No Brasil, seu livro A Pousada Rose Harbor foi lançado pela Editora Novo Conceito. E é com esta autora best-seller que você tem um encontro marcado hoje, quinta-feira, 27 de junho, às 19h. Hangout em horário diferente, mas totalmente imperdível!



Para outras informações, acesse o blog da editora.

Leia Mais
12 comentários
Compartilhe:

A Lenda do Lago Dourado - Edson Vanzella Pereira



"- Se é de geração em geração, quer dizer que todos os meus irmãos também têm a força?
- A força é um mistério; pode ser que sim e pode ser que não, mas te digo: poucos são os escolhidos. Você é um e precisa saber que um enviado da Luz torna-se objeto de obsessão de um Enviado Negro, que faz de tudo para destruí-lo. Por isso, nunca se destaque em nada do que faça, até ter certeza de que o Agente Negro foi derrotado" (p. 66)

Nos Estados Unidos da América, David Baltimore vivia de maneira simples com sua família na cidade de Morangovilles, mas era dotado com uma inteligência acima do normal, e chamou tanto a atenção por isso que foi convocado pelo programa Superdotados do governo, o qual selecionava jovens cientistas. O que tinha tudo para ser um novo início para ele e sua família terminaria de forma trágica: David, em uma viagem internacional para o Rio de Janeiro, foi atingido por uma bala perdida e ficou entre a vida e a morte.

Simultaneamente, perto de casa, Lisa, mãe de David, levava os outros dois filhos, Max e Peggy, para visitarem o antigo lado dourado, que guardava consigo uma lenda: aqueles que vissem os raios dourados saindo das águas do lago eram convocados a receber o "poder da luz". Mesmo que parecesse só uma história para os moradores da região, Max viu, nessa visita, os raios dourados e, abençoado com o referido poder, ficou incumbido de lutar contra o agente enviado pela Fraternidade da Escuridão e salvar os homens de um mal como este. Max descobriu ainda que seu irmão David, agora impossibilitado, também tinha essa missão, além de um terceiro garoto, sobre o qual precisava descobrir.

Sinopse do Skoob aqui.

A Lenda do Lago Dourado, escrito pelo autor brasileiro Edson Vanzella Pereira, não se passa no Brasil, o que achei um tanto estranho, de início. Os autores nacionais têm dado prioridade aos nossos espaços e o público leitor tem se agradado muito disso, mas, depois que o enredo começa a se desenvolver, fica compreensível: são programas, estratégias de governo, locais e lendas que não são nossas, e o autor acaba tendo um pouco mais de autonomia para criar. Assim, essa contextualização geográfica não atrapalha, e o lugar acaba sendo indiferente.

A escrita do autor é bem desenvolvida e gostosa - as páginas passam rápido e não notei um só erro na edição, o que torna a leitura mais prazerosa. A mistura de ficção científica, mistério, aventura e fantasia, dão a um enredo improvável um toque original. Houve até um romance bonitinho na história, mas, no meio de tantas outras informações, ele acabou não sendo ponto chave.

Contudo, o fato de os personagens principais serem adolescentes - mesmo que tenham QI acima da média e estejam envolvidos em espionagens com agências do governo - acabou dando um tom juvenil à história, aspecto que se agravou um pouco com explicações detalhadas para cada mistério. Não que isso seja ruim, mas acho que não estava no meu melhor momento para uma leitura nesse estilo.

Durante a leitura do livro, travei uma troca de e-mails com o autor, e gostei muito disso. Edson mostrou ansiedade para saber o que pensava mais uma leitora, e respeitou minhas opiniões, mesmo quando não eram tão positivas. Mas o mais proveitoso foi a troca de ideias. O autor confirmou o que eu tinha pensando da obra, que debate temas importantes e em foco como os avanços científicos e as possibilidades de uso das novas descobertas (inclusive para fins não tão nobres), a necessidade de buscar aquilo que se deseja e de construir uma sociedade baseada no amor e respeito e no bem coletivo.

É, no geral, uma história divertida e leve, mas que ficou devendo em algo para me fisgar de verdade. Isso não quer dizer que não valha a pena - vale destacar que as notas no Skoob estão bem altas.


Leia Mais
19 comentários
Compartilhe:

Selinhos e Memes #5: Viajando na Leitura!


Oi lindos, tudo bem com vocês?
Primeiro de tudo, acho que quem passa por aqui sempre percebeu que o blog ficou um tanto de lado essa semana. Já informei nas redes sociais o motivo, mas quero deixar registrado: minha semana, por si só, foi puxada. Estou no final de semestre da faculdade - as provas e trabalhos estão aí -, entro em férias no serviço também na próxima semana, então as coisas precisam ser adiantadas, e, além de precisar resolver coisas particulares também, fiquei presa duas vezes na Ilha essa semana por causa das manifestações (eu moro no continente). Ou seja, o blog acabou um pouco abandonado mesmo. Sei que todos entendem, mas peço desculpas e prometo que tentarei deixar tudo em dia - ou pelo menos avisar antes.


E para voltar à "ativa", resolvi responder um dos selinhos que estão me esperando. rsrs
Quem me passou foi a Amanda do blog Confissões Femininas:


Regras do selinho:

1 - Este selo consiste em responder à pergunta;

2 - Responda colocando o nome do blog do qual recebeu, use o banner original e indique cinco blogs para pegar o selo;

3 - Não esqueça de avisar os blogs indicados do selo.

Pergunta:
"Qual a melhor viagem que você fez através da leitura e qual foi o livro?
Ok, talvez eu esteja sendo um tanto previsível, mas não tem como não ser: a melhor viagem que eu fiz foi à Hogwarts e seus mistérios, na série Harry Potter. Eu já era uma leitora quando os livros foram lançados, mas é a primeira história de fantasia que eu me lembro de ter lido, e eu me apaixonei pela série de forma sem igual, me lembrando dela sempre com carinho. Acho que até hoje não teve nenhuma outra que trouxesse aquele mesmo sentimento, por melhor que fosse.

Blogs indicados:

Como eu nunca indicava os blogs para os selinhos, hoje vou fazer diferente:
- Alinne, do blog Books e Desenhos;
- Cássia, do blog Procurei em Sonhos;
- Nessa do blog Diário de Incentivo à Leitura;
- Ane do blog My Dear Library;
- Sora do blog Meu Jardim de Livros.

Um beijão turma!

Leia Mais
20 comentários
Compartilhe:

Resultado: Promoção Em busca de um final feliz


Oi turma, passei aqui rapidinho para divulgar o resultado da promoção Em Busca de Um Final Feliz, feita em parceria com a Editora Novo Conceito pelo Facebook.


O sorteado foi Claudejan Lima, e vocês podem conferir neste link.
Parabéns sortudo, devo entrar em contato com você até amanhã ;)


Obs.: Pessoal, eu estou completamente sem tempo para as redes sociais e até mesmo para a TV, mas tenho que dizer: estou orgulhosa. Parece mesmo que os brasileiros acordaram, e acho que faltava isso para melhorar nosso país. Parabéns aos que estão engajados.

Beijos

Leia Mais
23 comentários
Compartilhe:

Promoção: Na Companhia das Estrelas


Ontem acabaram as inscrições para a promoção Em Busca de Um Final Feliz, então está mais do que na hora de iniciarmos outra, não?

O blog Conjunto da Obra, em parceria com a Editora Novo Conceito, vai sortear um exemplar de "Na Companhia das Estrelas", cuja resenha pode ser conferida aqui.

Para participar é simples: basta seguir o blog pelo Google Friend Connect (clicar em "Participar deste site" na barra lateral direita) e, após preencher esse item, novas opções ficarão disponíveis.

a Rafflecopter giveaway

O sorteio será feito por meio da ferramenta Rafflecopter. Para os que ainda têm dúvidas sobre como utilizá-la, podem ver este tutorial aqui. As inscrições são válidas até dia 14 de julho.

Após o resultado, o vencedor terá até 48 horas para responder o e-mail que eu encaminharei solicitando seus dados, ou o sorteio será refeito. O prêmio poderá ser remetido em até 30 dias após. Estas e outras regras estão expressas no terms and conditions do formulário.








Leia Mais
15 comentários
Compartilhe:

Novidades #50


Hey peops, fazia muito tempo que eu não postava essa coluna por aqui, e tenho tantas novidades recentes e ótimas! ;)

1ª) A Editora Subtítulo anunciou o lançamento de O Ladrão de Destinos, de Nanuka Andrade, em 13 de julho:
As ilustrações foram feitas pelo próprio autor, e já é possível conferir o primeiro capítulo AQUI.

2ª) A autora Paula Ottoni (cujos livros já possuem resenha AQUI e AQUI) anunciou que um livro que escreveu em inglês, Half Moon,  foi publicado e está disponível em e-book pela Amazon. Quem tiver interesse, basta clicar na capa que será redirecionado à página da loja virtual:


3ª) A autora Eliane Quintella, também parceira aqui no blog, trouxe algumas novidades nas últimas semanas.
A primeira delas é seu novo livro, Café Forte, publicado na íntegra no Wattpad, o que significa que todo mundo pode lê-lo online. Ainda não pude ler o livro inteiro, mas os primeiros capítulos estavam cheios de mistérios e a história parecia muito boa.

A outra novidade da autora é que ela participará, no início do próximo mês, da 2ª Edição do Bate papo sobre literatura nacional, em São Paulo.


Para maiores informações, acesse a página do evento no Facebook clicando AQUI.

Por hoje é isso, espero que, quem puder, aproveite as oportunidades :)

Beijos

Leia Mais
30 comentários
Compartilhe:

Na Companhia das Estrelas - Peter Heller

Sinopse: Em um mundo devastado pela doença, Hig conseguiu escapar à gripe que matou todo mundo que ele conhecia. Sua esposa e seus amigos estão mortos, e ele sobrevive no hangar de um pequeno aeroporto abandonado com seu cachorro, Jasper, e um único vizinho, que odeia a humanidade, ou o que restou dela.
Mas Hig não perde as esperanças. Enquanto sobrevoa a cidade em um avião dos anos 1950, ele sonha com a vida que poderia ter vivido não fosse pela fatalidade que dizimou todos que amava. Hig é um guerreiro sonhador. E tem uma imensa vontade de gente, apesar da desilusão que se abateu sobre ele. Por isso é capaz de arriscar todo seu futuro quando, um dia, o rádio de seu avião capta uma mensagem...
Voe com Hig e Jasper e se encante ao descobrir que um mundo melhor pode estar em cada um de nós. (Skoob)
HELLER, Peter. Na companhia das estrelas. Editora Novo Conceito, 2013. 403 p.

Quase todos se foram. A citação acima resume muito: primeiro a gripe, depois a doença do sangue. 99% da população, mais alguma coisa. E os que restaram não são muito bons - não se sabe se já eram assim, ou se os horrores do "novo" mundo os transformaram. Agora, quem não matava, morria. Sobraram poucas espécies de animais, a temperatura da Terra sofrera alterações e a vida se tornou difícil e solitária.

Hig vivia no hangar de um aeroporto, e não conseguira ainda se adaptar bem às novas regras. Jasper, seu cachorro, talvez fosse a única razão que ainda o mantivesse vivo. Mas havia também a Fera, seu pequeno avião, e Bangley, um "vizinho" com quem mantinha uma relação de respeito, mas não de amizade, e que sabia ser o oposto de Hig, deixando de lado a sensibilidade e a esperança e sabendo "matar primeiro, perguntar depois". O que se poderia esperar em uma realidade como essa, sem esperança? Hig acreditava estar sonhando.

"Não se pode metabolizar a perda. 
Ela está nas células do rosto, no peito, atrás dos olhos, nas entranhas. 
Músculos, tendão, ossos. É você inteiro." (p. 151)

Na Companhia das Estrelas, de Peter Heller, é narrado em primeira pessoa por Hig, e estruturado de maneira inesperada: a impressão é mesmo de se ter a história contada pelos miolos cozidos de Hig. Pensamentos desconexos e incompletos, sem ordem preestabelecida, conversas sem marcação que poderiam estar acontecendo apenas na mente dele e muitas descrições de lugares e paisagens. Hig não tem muito do que falar sobre o presente, a não ser seus poucos contatos com Bangley e dos lugares que avista voando com a Fera, e grande parte do que conta são lembranças - de como era o mundo, como era seu casamento, como era estar esperando um filho que nunca nasceu. O livro tem uma estrutura confusa no começo, mas quando se compreende a esquematização, a narrativa se torna até mais interessante pelo modo como é feita. É diferente, solitário e humano.


"No início havia o Medo. Não tanto pela gripe até aquele momento, naquela época eu caminhava, falava. Não falava tanto, mas eram os sons do corpo - e da mente, você que o diga. Duas semanas inteiras de febre, três dias entre 40ºC a 40,6ºC, sei que cozinhou meus miolos. [...]
Não quero ficar confuso: estamos há nove anos assim. A gripe matou quase todos, depois a doença sanguínea matou mais. Os que sobraram são na maioria Nada Legais. É por isso que vivemos aqui na planície, por isso faço a patrulha todos os dias." (p. 16)

As lembranças de sua mulher, Melissa, assaltam Hig a todo tempo. É bonito ver o amor que ele mantém por aquela com quem dividiu planos, mas é triste, por sabermos que ele não seguiu em frente principalmente porque não tinha como fazer isso.

"Isso tem cheiro de quê? Alegrias.
E o cheiro é sempre o cheiro em si, e a lembrança também, não sei por quê." (p. 132)

Tanta solidão é bem transmitida durante o texto, mas isso acaba ficando cansativo. Algumas poucas cenas de ação e uma ou outra surpresa dão um toque mais dinâmico à história e agradam, mas em geral trata-se dos pensamentos mais comuns do dia a dia de um homem que vive quase sozinho, o que ele vê e o que sente. A vantagem é que tantos pensamentos trazem grandes reflexões aos leitores.

Em geral, eu gostei muito da história. Acho que esperava algo diferente, mais teorias, mais explicações, mais ações e soluções. Algumas coisas ficaram vagas, outras incompletas, mas isso não me deixou frustrada. O livro se difere bastante dos pós-apocalípticos que tenho lido, e isso não foi exatamente ruim. Não é uma leitura surpreendente, mas fala de esperança, de outras chances e também de amor. Traz uma mensagem bonita, pois se Hig consegue mudar um pouco à sua volta, talvez também possamos melhorar o que temos hoje.




Leia Mais
29 comentários
Compartilhe:

Editora Dracaena distribui livros em 8 países



Em parceria com a Amazon, a editora Dracaena está ampliando sua distribuição de livros físicos para 8 países: Alemanha, Itália, Japão, Espanha, Canadá, Estados Unidos, Inglaterra e França.
Dessa maneira, a editora espera oferecer livros de autores nacionais para a comunidade brasileira que vive em outros países e ampliar as oportunidades de distribuir seus livros para um número maior de leitores.
Leia mais: http://editoradracaenanews.blogspot.com.br/2013/06/dracaena-esta-realizando-distribuicao.html


Confira os lançamentos da Editora Dracaena
 

Autor: Ivair Antonio Gomes Gênero: Suspense, Ficção
ISBN: 9788582181027
Nº de páginas: 240 Para comprar acesse: http://www.dracaena.com.br/?modulo=Produtos&item=ProdutosView&id=122
Sinopse: Polícia Federal, CIA, FBI, Mossad e Interpol em uma caçada eletrizante a um assassino em terras brasileiras.
Uma série de assassinatos aparentemente desconexos chama a atenção de um delegado de polícia pouco antes do maior encontro dos líderes das Américas, o Encontro do Mercosul, onde estarão presentes grandes líderes e autoridades mundiais. Existe alguém disposto a tornar esse encontro um fracasso.
Quais seriam as consequências, caso o futuro presidente norte-americano fosse assassinado em terras brasileiras?
Quem é o assassino misterioso, o homem por trás do codinome “Xstranho”? Acompanhe as autoridades brasileiras e internacionais neste thriller que em nada deixa a desejar aos melhores textos do gênero.
Este será o prenúncio de um verão inesquecível.


Autor: Carlos Monteiro
Gênero: Ficção, Contos e Crônicas
ISBN: 9788582180914
Nº de páginas: 112
Para comprar acesse: http://www.livrariasaraiva.com.br/produto/4898046/o-intruso
Sinopse: A Humanidade passa por uma fase ruim, fazendo que a voracidade de suas ambições, a inveja e a inutilidade levem todos para várias temporadas no inferno. Desta forma, os homens fogem de seu caminho — que é conhecer suas profundezas humanas — e preferindo o contrário, destruindo pouco a pouco suas origens.
Neste mundo maluco encontra-se um anjo que desistiu de ser anjo.
Na Terra ficou conhecido como “Anjo sem Asas”! Mas, antes de viver sua mortalidade, recebeu sua última missão dos Céus. Deveria encontrar algumas pessoas que sofreram grandes derrotas, indivíduos que necessitavam que socorressem suas almas.
Eles foram marcados por Deus para receber Seus amuletos.
E o Anjo sem Asas inicia sua jornada. Sua missão para os Céus é juntar todos para que, assim, transformem-se nos Mensageiros da Lucidez!


Autor: Manoel Flor dos Santos
Gênero: Ficção, Literatura Nacional
ISBN: 9788582180952 Nº de páginas: 248 Para comprar acesse: http://www.ciadoslivros.com.br/codex-popul-vuh-ramo-de-folhas-2013-edicao-1-p560181/
Sinopse: Em primeiro lugar, o título advém de três jovens moças que participam de um concurso de bandas e adotam o nome de “As freiras que só ouvem rock” para o grupo.
Este concurso é celebrado numa festa à fantasia, onde elas vestem-se de freiras e depois participam do evento dançando e cantando músicas de rock.
Mas tudo deixa de ser alegria quando na noite da festa os seus respectivos namorados sugerem que todos eles roubem um bar.
O livro, na forma de romance, conta a história de seis jovens de classe média que se adentram no mundo dos roubos. Eles tiveram boa educação, cursavam uma boa faculdade: motivos de sobra para serem pessoas sensatas; no entanto, subitamente, decidem cometer alguns crimes por puro divertimento.
Mas não saíram impunes dos atos cometidos; a partir do momento em que escolheram cometer tais delitos, passaram a ser perseguidos pela polícia e por todos aqueles que se sentiram lesados.
A vida deles se tornou em uma assombrosa corrida contra a prisão, sofrendo as maiores humilhações, as quais a maioria das pessoas não enfrentaria durante uma vida inteira.



Publicações pela Editora Oxigênio


Para maiores informações, clique na capa.



A.G Olyver fala sobre a publicação do livro Lady Lake pela Dracaena





Entrevista com a autora Jaqueline Beloto


Confira a entrevista: http://editoradracaenanews.blogspot.com.br/2013/06/entrevista-com-autora-jaqueline-beloto.html


Editora Dracaena anuncia eventos de lançamentos



Leia Mais
13 comentários
Compartilhe:

As Violetas de Março - Sarah Jio

Sinopse: Emily Taylor é uma mulher jovem e escritora de sucesso, mas não gosta muito de seu próprio livro. Também tem um casamento que parece ideal, no entanto ele acabará em divórcio.Sentindo que sua vida perdeu o propósito, Emily decide fazer as malas e passar um tempo em Bainbridge — a ilha onde morou quando menina — para tentar se reorganizar.Enquanto busca esquecer o ex-marido e, ao mesmo tempo, arrumar material para um novo — e mais verdadeiro — livro, um antigo colega de escola e o namorado proibido da adolescência tornam-se seus companheiros frequentes. Entretanto, o melhor parceiro de Emily será um diário da década de 1940, encontrado no fundo de uma gaveta.
Com o diário em mãos, Emily sentirá o estranhamento e a comoção causados pela leitura de uma biografia misteriosa que envolve antigos habitantes da ilha e que tem muito a ver com sua própria história.
Assim como as violetas que desabrocham fora de estação para mostrar que tudo é possível, a vida de Emily Taylor poderá tomar um rumo improvável e cheio de possibilidades.
As Violetas de Março é um romance sobre a força do amor, sobre as peças que o destino prega e sobre como podemos ser felizes mesmo quando tudo parece conspirar contra a felicidade. (Skoob)
JIO, Sarah. As violetas de março. Editora Novo Conceito, 2013. 304 p.


O casamento de Emily acabou da pior forma possível: seu marido a trocou por outra mulher. Ela ainda o amava, esperava que ele voltasse e estava disposta a perdoar sua traição... Mas ele não voltou e ela recebeu, por correio, o convite do casamento dos dois. O pior de tudo, era não ter um plano para seguir adiante. Seu livro, que se tornara um best-seller há alguns anos, ainda rendia frutos, mas não era algo de que ela realmente se orgulhasse. Desprovida de insights criativos e daquele com quem queria formar uma família, era hora de Emily retornar a Bainbridge, a ilha onde passava seus verões quando criança.

Na casa de Boo, tia de Emily, ela tenta se reencontrar. Um antigo diário desconhecido, de alguém chamado Esther, torna-se sua principal companhia, desperta nela emoções novas, uma ligação com alguém importante do passado, ao mesmo tempo em que a liga ao presente, permitindo que Emily redescobra sentimentos e se apaixone.

"- Você ainda está lendo o diário?
- Sim - confirmei. - Mal posso guardá-lo.
Ela espiou a passarela para ver se Bee estava voltando.
- [...] preciso que você saiba de uma coisa: essa história que você está lendo guarda muitos segredos... segredos que podem mudar sua vida hoje. Sua. De sua tia. Dos outros.
- Eu gostaria que você pudesse me dizer do que se trata tudo isso - falei, esperando não parecer muito impaciente.
- Sinto muito, querida - ela se desculpou. - Esta é a sua jornada."

Sair imune à leitura de As Violetas de Março, de Sarah Jio, é quase impossível. Com um primeiro capítulo um tanto incomum, há certa conexão com a história já nas primeiras páginas, e o restante não decepciona. O enredo é lindo, e transborda amor: amor de amigos, amor de amantes, amor fraterno, de mães e pais. A probabilidade de se sentir tocada pela obra é imensa, e talvez não se possa nem dizer exatamente o porquê.

As páginas correm rápido: há vínculos, ligações, que estão envoltas em neblina e queremos penetrar mais fundo para enxergar melhor. Os mistérios a serem desvendados fazem ler sempre alguns capítulos mais. A mistura entre passado e presente - duas histórias de vida paralelas, e que se tocam no "infinito" - perfeitamente entrelaçada. A história de Emily já é envolvente, mas conhecer mais Esther é como mergulhar em um mar profundo e agitado, que ninguém consegue prever nem controlar. Esther é impetuosa, inflexível, e isso não são elogios, mas o são, ao mesmo tempo.

E eu só consigo pensar no quanto se perde por impulsividade; tanto amor mal resolvido, mal entendidos que vão afetando a todos como reações em cadeia. O coração doía e ficava pequeno, mas foi possível sentir e se encantar com tudo aquilo que nem as tristezas nem o tempo conseguem destruir ou amenizar. Espero que isso que acabei de dizer seja inteligível, mas não posso especificar detalhes para não soltar spoilers. Só tenho a dizer para os românticos de plantão que, enquanto houver amor, há solução.

E a Ilha. É como se Bainbridge fosse também protagonista do livro e tivesse vida própria. Como se tudo por lá se tornasse mágico e mais intenso. E mais lindo. Simples assim.


Leia Mais
35 comentários
Compartilhe:

Hangout e Concurso Cultural Novo Conceito

Olá leitores do Conjunto da Obra!

Hoje as novidades são sobre a Editora Novo Conceito, parceira aqui do blog. A editora sempre promove promoções e possibilita aos leitores conhecer um pouco mais sobre os autores, o tempo todo com uma programação interessante no ar.


- A primeira novidade é o Hangout que a editora promoverá com o autor do livro A livraria 24 horas do Mr. Penumbra, Robin Sloan.
O Hangout acontecerá no dia 06 de junho, às 16h, e poderá ser acompanhado ao vivo por meio do link http://bit.ly/hangoutnc. Também neste link, os leitores poderão enviar perguntas e concorrer a prêmios: As 10 primeiras perguntas selecionadas para serem feitas ao autor ganharão os 05 livros e os 05 eBooks, sendo 01 prêmio por pessoa, as primeiras 05 pessoas ganharão 01 livro cada, as perguntas de 06 à 10 levarão 01 eBook cada.

- A segunda novidade é uma promoção para concorrer um violão personalizado da editora, e é super fácil participar. Para ler o regulamento, clique na imagem:


Leia Mais
13 comentários
Compartilhe:

Promoção via Facebook: Em busca de um final feliz


Os leitores que acompanham o Conjunto da Obra pela página do Facebook já devem ter percebido que começou uma ótima promoção por lá. Em parceria com a editora Novo Conceito, o blog dará a oportunidade àqueles que querem concorrer aum exemplar de Em busca de um final feliz, de Katherine Boo

O sorteio será feito pela Página do Blog no Facebook; para participar é preciso curtir a página e compartilhar o banner da promoção, clicar na aba Promoções e, em seguida, clicar em "Quero Participar". Pronto, você já está concorrendo.


Sinopse: Em Busca de um Final Feliz, de Katherine Boo, é um livro brilhantemente escrito. Através de uma forte narrativa, descobrimos como é o dia a dia dos moradores de Annawadi, uma favela à sombra do elegante Aeroporto Internacional de Mumbai, na Índia. A história de seus habitantes nos faz rir e chorar, porque “o que é celebrado neste livro não é o que poderíamos chamar toscamente de ‘o encanto da lama’, mas a riqueza das pessoas que — para o bem e para o mal — compõem um tronco social que está cada vez mais presente no nosso mundo moderno”. (Zeca Camargo, em prefácio a esta edição). O leitor vai se apaixonar por Sunil Sharma, o menino catador de lixo que quer ficar rico, por Manju, a moça mais bonita da favela, que quer ser professora, e até pela tresloucada Fátima, a Perna Só, que só quer um pouco de atenção.
As incrições são válidas até 15 de junho.
Boa sorte a todos ;)

Leia Mais
8 comentários
Compartilhe: