Top School! Seleção Natural - Toni Brandão

Seleção Natural - Top School!, a escola de modelos mais badalada do universo, prepara as garotas e os garotos mais lindos, atrevidos e descolados para entrar pela porta da frente no mundo da moda... e brilhar nas passarelas, fotos, capas de revistas. Mas nem só de caras e bocas vive a Top School!, claro! Tantos gatos e gatas juntos só podia dar em duas coisas: romance e confusão. Quem vai ficar com o gato chamado Ben? Como escapar das garras da maldade competitiva de Malu? O que é preciso fazer pra cair nas graças eletrizadas de Ivan, o terrível? (Skoob)
BRANDÃO, Toni. Seleção Natural. Top School! vol. 1. São Paulo: Companhia Editora Nacional, 2013.

Antes de receber Top School 1 e 2 em parceria com a Companhia Editora Nacional, tinha visto os livros poucas vezes em blogs amigos. Eu não fazia ideia do que esperar, só sabia se tratar de um infanto-juvenil, mas as cores vivas da capa e as páginas de diagramação discreta, mas descolada, despertaram minha admiração pelo trabalho desenvolvido nessa obra.

Seleção Natural, primeiro livro da série Top School!, de Toni Brandão, conta o desenrolar do dia de testes e seleção para definir quem vai entrar na escola de modelos bem sucedida de Antônia. Milhares de adolescentes se candidataram às vagas, e o leitor acompanha os acontecimentos e emoções que surpreendem alguns deles durante a seleção.

"[...] não ser aprovado não significa nada além de 'não ser aprovado'. Claro que é chato, frustrante, mas isso não quer dizer que vocês não são bonitos ou não têm talento. Enfim, na vida, todos sabemos que existe uma teoria chamada seleção natural, que rege o movimento do mundo e impulsiona as nossas histórias para onde elas têm que ir."

Ben, Mia, Malu, Alice, Indira, Guel, Ivan e alguns outros são apresentados em 3ª pessoa na obra, e acompanhamos a todos enquanto passam pelas entrevistas, pelos testes de foto e vídeo, e pelas "aventuras" enquanto aguardam sua vez. São tantos personagens com características tão específicas que, no início, é difícil lembrar. Porém, cada um vai tomando sua forma, deixando sua marca, e com o passar das páginas todos se tornam conhecidos, com histórias individuais deliciosas de acompanhar.

Toni Brandão usa uma linguagem toda sua para contar a história, com frases curtas que mais sugerem algumas ideias do que efetivamente as dizem. No início achei que essa amarração atrapalharia a leitura, por torná-la superficial e sem polidez, mas depois que se acostuma, percebe-se o tom de ironia e humor que envolvem por completo, e talvez a própria linguagem se torne o ponto principal do livro.

Eu achei que seria uma leitura bobinha que me tiraria a paciência, pelo tema tratar de beleza e mundo da moda - que na maioria dos casos é retratado com personagens superficiais e mesquinhos. Porém, me surpreendi, porque ainda que se trate de um infanto-juvenil com esse pano de fundo, existem algumas coisas mais profundas em tela, como as relações entre adolescentes e com suas famílias.

Não dá para esperar do livro um papo cabeça e grandes mensagens para a vida, é claro, mas é uma leitura rápida e divertida, com mistérios que não fazem qualquer sentido, mas que prendem a atenção mesmo assim. Há vários pontos soltos para o próximo volume, que eu logo pretendo ler.

Ju - Conjunto da Obra
Ju - Conjunto da Obra

Apaixonada pela leitura desde a infância, tantos livros lidos que é impossível quantificar. Alguém que vê os livros como uma forma de viajar o mundo e lugares mais incríveis que possam ser criados pela imaginação, sem precisar sair do lugar. Tem o blog como uma forma de dividir experiências e, principalmente, as emoções que as leituras despertaram, para compartilhar idéias e aproveitar sugestões de leitura, envolvendo mais e mais pessoas em um mundo onde a imaginação não tem limites.

4 comentários:

  1. Oi Ju
    Ja tinha visto este livro, mas não sabia exatamente do que ele se tratava. Gostei bastante da trama, parece ser ótimo para relaxar e passar o tempo. Gostei.

    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Oi
    Curti a resenha, já tinha lido outras positivas, deve ser uma boa leitura para se distrair.

    momentocrivelli.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Oi Julia!
    Não conhecia o livro, mas parece ser uma leitura bem leve e divertida. Gostei da resenha!

    Beijos,
    Sora - Meu Jardim de Livros

    ResponderExcluir
  4. me pareceu mesmo uma leitura despretensiosa, um bom passa tempo. o autor foi original, deu consistência ao livro do jeito dele. quando se tem muitos personagens assim, é preciso ñ errar a mão e acho que o autor conseguiu isso. a capa é bem juvenil, condiz com o livro. acho uma boa indicação para o público infanto juvenil, e eu que já passei dessa fase, também quero ler hahaha. bj Ju! <3

    ResponderExcluir

Agradeço muito sua visita e peço que participe do blog, deixando um recadinho. Opiniões, idéias, sugestões, são muito importantes para fazer o blog cada vez melhor!
Assim que possível, retribuirei a visita.

Beijos, Julia G.