A história de nós dois - Dani Atkins

Sinopse: Emma tem 27 anos, é linda e inteligente e vive cercada de pessoas que ama. Prestes a se casar com Richard, seu namorado desde a época de escola, ela não poderia estar mais empolgada.
Mas o que deveria ser o momento mais feliz de sua vida de repente vira uma tragédia. Emma sofre um acidente e é salva por um estranho minutos antes que o carro em que ela viajava explodisse.
Abalada, ela decide adiar o casamento. E nesse meio-tempo descobre segredos que a fazem questionar as pessoas nas quais sempre confiara a ponto de duvidar se deve se casar afinal.
Para complicar, ela se sente cada vez mais ligada a Jack, o homem que a salvou e que não sai da sua cabeça. Jack é lindo, gentil e divertido, de um jeito diferente de todos que ela já conheceu. Por outro lado, é Richard quem ela sempre amou...
Uma mulher, dois homens, tantos destinos possíveis. Como essa história vai terminar? (Skoob)
ATKINS, Dani. A história de nós dois. São Paulo: Arqueiro, 2016. 352 p.

Ainda não tinha tido a oportunidade de ler algo de Dani Atkins, mas, desde que Uma Curva no Tempo foi publicado, esperava pela chance de conhecer a escrita da autora. Logo no meu primeiro mês de parceria com a Editora Arqueiro, o segundo livro da autora estava entre os lançamentos, e eu não consegui evitar a vontade de ler A história de nós dois. Fico extremamente feliz de ter solicitado o livro e ter tido essa oportunidade, porque se trata de um romance incrível e surpreendente.

A sinopse de A história de nós dois entrega muito pouco sobre toda a trama, o que é um ponto positivo à leitura. O leitor conhece somente alguns detalhes superficiais, mas não tem ideia do que realmente está por vir no livro. Eu mesma imaginei algo mais sutil, mais delicado, mas desde os primeiros capítulos a história veio como uma avalanche. Não fazia ideia do tamanho da tragédia que seria narrada na obra, e desde logo me senti tocada pela história de Emma.

O livro é dividido em dois momentos distintos, O fim e O Começo, que se intercalam no decorrer da obra, ambos narrados em primeira pessoa pela protagonista. Ver através de seus olhos contribui para criação de vínculo entre leitor e personagem e o fato de Emma ser uma mulher madura, apesar de todas as dificuldades, e de não ficar se lamentando, fez-me gostar bastante dela.

"- Você devia ter trazido a câmera - continuei.
Ele saiu de sua posição no parapeito e se postou na minha frente.
- Não preciso dela - disse, a voz baixa. - Acho que vou me lembrar deste momento para sempre... e por todas as razões erradas."

Apesar de inevitavelmente tratar de um "triângulo" amoroso, o enredo se destaca bastante dos demais romances que optam por utilizar esse recurso. Há algo de real na construção da história, algo que torna plausível a forma como o romance se desenvolve. A protagonista não se vê dividida entre dois personagens que surgiram ao mesmo tempo, mas entre o homem com quem compartilhou anos e alguém que, de repente, salvou sua vida e estremeceu seus sentimentos.

É importante destacar que a história não trata somente disso. Trata de amizade, de perdão e de amor. E trata também, de uma maneira dura e ao mesmo tempo suave, do Alzheimer, uma doença séria e que requer diversos cuidados. Eu amei cada pormenor conglobado na obra, e por mais que alguns deles tenham sido inseridos com o nítido objetivo de criar obstáculos à trama, não achei que fossem desnecessários ou cansativos. Foi, ao meu ver, uma forma amena de lidar com assuntos relevantes.

A escrita da autora é densa, detalhista, e a leitura acaba sendo, por isso, um pouco mais demorada. Porém, é a forma com que a narrativa se desenvolve que faz o livro ser tão gostoso de ler. A delicadeza da autora para descrever os acontecimentos dá à trama certa leveza, mesmo diante de uma tragédia, e transforma mesmo a cena mais triste em algo belo.

"- Não sou aquilo de que você precisa na sua vida agora, Emma. Mas, que Deus me ajude, estou usando cada grama de força que tenho para não puxá-la de volta aos meus braços e apagar em você a lembrança de qualquer homem que um dia você possa ter beijado!"

E como comentar o final incrível da história? Eu estava conformada que a autora daria um final bom, mas apenas isso, porque tudo indicava o caminho a que ela levaria. Não era aquilo que eu queria, mas não seria ruim, então me preparei psicologicamente para que acontecesse. Só que não foi o que aconteceu, e também não foi bem o que eu queria; a autora conseguiu fazer algo melhor. O último capítulo me deixou de queixo caído e coração palpitando, pois foi incrivelmente lindo. Só aí consegui compreender o real sentido do título do livro.

A história de nós dois é uma história linda, que merece ser lida por todos os apreciadores de um bom romance.








Ju - Conjunto da Obra
Ju - Conjunto da Obra

Apaixonada pela leitura desde a infância, tantos livros lidos que é impossível quantificar. Alguém que vê os livros como uma forma de viajar o mundo e lugares mais incríveis que possam ser criados pela imaginação, sem precisar sair do lugar. Tem o blog como uma forma de dividir experiências e, principalmente, as emoções que as leituras despertaram, para compartilhar idéias e aproveitar sugestões de leitura, envolvendo mais e mais pessoas em um mundo onde a imaginação não tem limites.

11 comentários:

  1. Acho que esse seria um livro que eu leria primeiramente pela capa, não gostei muito da história e mesmo parecendo ser um livro bom eu acho que não daria uma chance.

    ResponderExcluir
  2. Esse livro!!! Não vejo a hora de ler! Desde que li sobre ele tenho me interessado na história, mto linda! Doida pra ver como vai ser o destino Emma, Richard e Jack!
    Bjs!

    ResponderExcluir
  3. Olá.
    Não sou muito fã do gênero romance, mas lendo sua bonita resenha, já fiquei bem curiosa para saber o desenrolar dessa história. A capa está bem linda, muito romântica. Então, assim que houver uma oportunidade, darei uma chance a essa leitura. Obrigada pela dica. Beijos.

    ResponderExcluir
  4. Olá Ju! Estou doida pra ler esse livro, curto muito um romance, parece ser super emocionante e cada resenha que leio dele me deixa ainda mais ansiosa em conferi essa história.
    Bjs

    ResponderExcluir
  5. É muito bom quando a personagem é assim como Emma que apesar dos problemas não fica se lamentando. É interessante saber mais sobre essa doença e como é difícil lidar com ela. Que bom que o final foi melhor do que você esperava, deve ter sido surpreendente, é muito bom quando o autor sabe surpreender o leitor. Só fiquei um pouco desanimada com o triângulo amoroso odeio essas duas palavras kk.

    ResponderExcluir
  6. Oie Ju =)

    Morro de curiosidade de ler algo do autor, pois só leio resenhas positivas dos livros dele. Parecem ser histórias tocantes que nos emocionam e nos levam a refletir sobre nossas própria vida.

    Beijos e uma ótima semana para você;***

    Ane Reis.
    mydearlibrary | Livros, divagações e outras histórias...
    @mydearlibrary

    ResponderExcluir
  7. Olá, Júlia! Eu li Uma Curva no Tempo e a Dani deixou meu coração completamente abalado com a obra dela, você precisa ler! Sem contar que essa obra parece ser perfeita, já que críticas positivas sobre ela estão por toda a parte. A capa é linda e a Dani tem um talento nato para deixar a gente a mercê de seus personagens. Eu quero muito ler!
    Beijão.
    Leitora Encantada

    ResponderExcluir
  8. Quando li sobre o livro fiquei muito curiosa principalmente quando vi que tinha um relacionamento que se iniciava com um acidente/salvamento, não tem como dar errado um enredo assim. O livro parece despertar muitos sentimentos durante a leitura. Não sabia que o livro tratava também do Alzheimer, fiquei curiosa. Amo finais surpreendentes. Acho a capa uma graça e adorei os quotes do livro.

    ResponderExcluir
  9. Faz algum tempo que não leio um livro assim.Acredito que seja um romance,com pitadas de drama...
    Esse tipo de leitura sempre nos deixa algo para pensar e refletir. E espero ler em breve! :)

    ResponderExcluir
  10. Eu já amo romance e vendo uma resenha dessas... vou já adicionar a minha lista de livro que necessito ler!

    ResponderExcluir

Agradeço muito sua visita e peço que participe do blog, deixando um recadinho. Opiniões, idéias, sugestões, são muito importantes para fazer o blog cada vez melhor!
Assim que possível, retribuirei a visita.

Beijos, Julia G.