Métrica - Coolleen Hoover

Sinopse: Após a morte do pai, a ausência torna-se a maior companheira de Lake. A responsabilidade pela mãe e pelo irmão a congelam em um limbo de luto e dor. Por fora, ela parece corajosa e tenaz; por dentro, está perdendo as esperanças. E se mudar do único lar que conheceu não ajuda em nada.
Agora em uma nova casa, em uma nova cidade, ela precisa achar seu caminho. E um rapaz apaixonado por poesia pode ser o guia perfeito. Quando conhece o novo vizinho, Layken imediatamente sente uma intensa conexão. Algo que finalmente parece desanuviar um pouco sua realidade.
Mas o caminho da verdadeira felicidade não é feito de tijolos dourados, e logo uma revelação atordoante faz o novo relacionamento ser bruscamente interrompido. O dia a dia vai se tornando cada vez mais doloroso à medida que eles se esforçam para encontrar um equilíbrio entre os sentimentos que os aproximam e as forças que os separam. (Skoob)
Hoover, Colleen. Métrica. Galera Record, 2013. 304p.

Escolhi esse livro me baseando apenas nos comentários positivos em torno do nome da autora Colleen Hoover. Não sabia do que se tratava a história e muito menos o que esperar dos personagens. Já posso adiantar que fiquei muito satisfeita com o que encontrei dentro dessas páginas e mal posso esperar para ler os outros livros da autora.

Em primeiro lugar, eu não consegui largar o livro até chegar ao final. Eu precisava desesperadamente saber como esse amor tão cheio de empecilhos iria terminar. Apesar de achar que a autora exagerou um pouquinho no drama, não foi nada que tenha estragado o enredo. Na verdade, isso fez com que eu conseguisse me conectar mais aos personagens.

O livro é narrado em primeira pessoa por Layken, uma jovem que acaba de completar 18 anos e ainda está aprendendo a conviver com o vazio deixado pela morte do pai, a mudança de cidade e a nova rotina da família que inclui uma mãe que passou a trabalhar em tempo integral e um irmão mais novo que passou a ser responsabilidade sua na maior parte do tempo. E é no meio de todas essas mudanças que ela conhece seu mais novo vizinho Will, que além de ser lindo, aparenta ser uma pessoa extremamente carinhosa e muito responsável.

"Tento acalmar minha respiração enquanto olho para ele. Ele dá mais um passo para frente, tira a mão do meu queixo e coloca na parte de trás do meu pescoço, aproximando minha cabeça da dele. Seus lábios encostam delicadamente na minha testa e ficam alguns segundos até ele soltar a mão e se afastar."

Apesar de não concordar com algumas atitudes da Layken, entendi que todas elas eram fruto de uma jovem que estava completamente perdida e sem saber como se portar diante de uma situação tão delicada. Porém, toda essa tendência enorme para fazer de tudo um bom drama pode fazer com que alguns leitores sintam raiva da personagem. Na verdade, achei que ela foi bastante forte ao conviver com a euforia do primeiro amor e ao mesmo tempo guardar um sentimento tão bonito dentro de si.

Quem já leu o livro sabe o quanto o Will é apaixonante! Um personagem forte, carismático e altruísta. A Layken seria boba se não ficasse caidinha por ele. A química entre os dois é maravilhosa e a autora conseguiu encontrar o ponto certo do romance, sempre nos deixando com um gostinho de quero mais.

"Mas a verdade é que, se ele tivesse colocado os sentimentos por mim em primeiro lugar, teria sido difícil aceitar o fato de que ele era capaz de descartar as coisas mais importantes de sua vida com tanta facilidade. Isso indicaria coisas ruins a respeito de seu caráter. Por isso, não o culpo e o respeito. E, algum dia, quando eu estiver pronta, eu o agradecerei."

Na história somos apresentados a muitas poesias e a uma das bandas favoritas da Layken, The Avett Brothers. Cada capítulo começa com a letra de uma música que representa os sentimentos dela naquele momento específico. Fiquei muito surpresa ao descobrir que a banda realmente existe e aproveitei para ouvir a trilha sonora durante a leitura.

Métrica é totalmente cativante e envolvente! Não me decepcionei com o final da história e indico para todo mundo que está em busca de um bom romance. As continuações Pausa e Essa Garota já foram lançados aqui no Brasil pela editora Galera Record, mas o final desse primeiro livro já é bastante satisfatório para quem não quiser acompanhar o futuro dos personagens.


Dé Lima
Dé Lima

Meu nome é Débora, mas pode me chamar de Dé. Minha vida é cheia de livros, provas para concursos, doramas coreanos, turismo pela minha cidade, rock n´roll, felinos, moda vintage e café amargo. Tenho muitos planos de conhecer os lugares pelos quais já viajei através dos livros, mas o que eu queria mesmo era sair correndo pelo Louvre.

9 comentários:

  1. Olá!!
    A autora sempre me encantando com esses romances srrsrsr mas esse livro dela eu não conhecia ate agora e mais uma vez um romance com casais sempre passando uns apertos, mas enfim essa autora sempre me fazendo comprar mais e mais livros.
    Até mais.

    ResponderExcluir
  2. Oi! Olha, adorei a sinopse. Percebi que a história vai ser bem intensa e mostrando lados diferentes da vida pelos personagens. Que bom que você se surpreendeu de uma forma positiva. Fico ansiosa pra saber a opinião do blogueiro e assim colocar o livro na lista de leitura.
    Beijos

    ResponderExcluir
  3. Lé!
    Quando li o livro, também só larguei quando terminei. Totalmente envolvente e cativante e nem tem como não se apaixonar pelo certinho do Will, né?
    Simplesmente amei a leitura desse livro e a autora realmente é maravilhosa!
    “A simplicidade representa o último degrau da sabedoria.” (Arthur Schopenhauer)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    TOP Comentarista de OUTUBRO com 3 livros + BRINDES e 3 ganhadores, participem!

    ResponderExcluir
  4. Oii!! Achei lindo dmais esse livro, um enredo excelente, capa perfeita tbm...Qro ler!
    Bjs

    ResponderExcluir
  5. Já li resenhas de outros livros da autora e percebi que um drama exagerado faz parte da receita dela mas tbm percebi que todos são bem escritos e prendem o leitor até a última página. Eu nunca li nada dela e mesmo odiando um drama forçado acho que terei que ler alguma obra para tirar minhas próprias conclusões.

    ResponderExcluir
  6. Amei esse livro, o Will é mesmo apaixonante, história maravilhosa, a escrita da Coolleen Hoover é excelente.

    ResponderExcluir
  7. Eu ganhei toda a trilogia de presente de uma amiga que hoje eu nem falo mais, mas ela me deu várias memórias e otimos livros. Li métrica em uma velocidade muito alta, e na época, eu era bem carente e acabei me apaixonando perdidamente pelo will, ainda bem que superei esse crush literário e agora tenho um cara bem real e tão apaixonante quanto comigo <3 Toda a trilogia é ótima, e adorei sua resenha.
    um abraço!

    http://paragrafosetravessoes.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Tenho esse livro a algum tempo, mas ainda não li, até agora só um livro da autora e adorei. Adoro um bom drama nos faz sofrer junto com o personagem, fiquei curiosa com o que pode separar esse amor dos dois que parece ser muito fofo, pois Will deve ser um encanto de rapaz.

    ResponderExcluir
  9. Adorei a resenha. Já tenho ele, mais ainda não tinha colocado na minha fila para leitura.
    Fiquei apaixonada pela resenha. E adoro livros que me façam sentir com os personagens, adoro rir com eles, chorar com eles e sonhar com eles principalmente.
    E nada como uma boa indicação.
    Obrigada por compartilhar conosco sua experiencia.

    ResponderExcluir

Agradeço muito sua visita e peço que participe do blog, deixando um recadinho. Opiniões, idéias, sugestões, são muito importantes para fazer o blog cada vez melhor!
Assim que possível, retribuirei a visita.

Beijos, Julia G.