Anexos - Rainbow Rowell


Sinopse: Beth Fremont e Jennifer Scribner-Snyder sabem que alguém está monitorando seus e-mails de trabalho. (Todo mundo na redação sabe. É política da empresa.) Mas elas não conseguem levar isso tão a sério, e continuam trocando e-mails intermináveis e infinitamente hilariantes, discutindo cada aspecto de suas vidas. Enquanto isso, Lincoln O'Neill não consegue acreditar que este é agora o seu trabalho -  ler os e-mails de outras pessoas. Quando ele se candidatou para ser agente de segurança da internet, se imaginou construindo firewalls e desmascarando hackers e não escrevendo um relatório toda vez que uma mensagem esportiva vinha acompanhada de uma piada suja. Quando Lincoln se depara com as mensagens de Beth e Jennifer, ele sabe que deveria denunciá-las. Mas ele não consegue deixar de se divertir e se cativar por suas histórias. No momento em que Lincoln percebe que está se apaixonando por Beth, é tarde demais para se apresentar. Afinal, o que ele diria...? (Skoob)
Rowell, Rainbow. Anexos. Novo Século, 2014. 368p.


A história se passa no ano de 1999, quando as empresas ainda estavam se habituando à nova era dos computadores e tinham medo de que pudesse ocorrer um bug no sistema e, consequentemente, todas as informações pudessem ser perdidas por conta da virada para o ano 2000.

Os personagens principais estão na faixa dos vinte e poucos anos de idade. Fase em que a maioria das pessoas busca por uma certa estabilidade na vida e precisa aprender a encarar o fato de que nem tudo o que foi sonhado na adolescência vai acontecer como planejado.

"Amor. Propósito. Essas eram coisas para as quais não se podia planejar. Essas eram coisas que simplesmente aconteciam. E se não acontecessem? Você passava a vida toda ansiando por elas? Esperando para ser feliz?"

Lincoln é o tipo de cara que teria o selo de aprovação de namorado ideal. Ele é simpático, protetor, se importa com os outros, é bonito e extremamente tímido. Por ter passado por uma experiência amorosa ruim na época da faculdade ele se perdeu um pouco sobre seu real potencial, se tornando uma pessoa insegura em seu modo de interagir com os outros. Durante esse um ano em que acompanhamos o seu trabalho como segurança da informação (leia-se: leitor de e-mails dos outros) no jornal, vemos o quanto o seu crescimento pessoal é enorme e muito significativo.

Beth e Jennifer possuem o tipo de amizade que todo mundo merece ter na vida. Os e-mails trocados por essas duas me fizeram dar altas gargalhadas! Mesmo trabalhando em setores diferentes na redação, Beth é critica de cinema e Jennifer é revisora, as duas estão sempre fofocando e não dão a mínima para a possibilidade de alguém realmente verificar as suas mensagens.

"<<Beth para Jennifer>> Você é minha melhor amiga, tonta.
<<Jennifer para Beth>> É mesmo? Você é minha melhor amiga. Mas eu sempre supus que outra pessoa era a sua melhor amiga e estava totalmente bem com isso. Você não precisa dizer que sou sua melhor amiga só pra me fazer sentir bem.
<<Beth para Jennifer>> Você é tão besta.
<<Jennifer para Beth>> Por isso que eu imaginava que outra pessoa fosse sua melhor amiga."

O livro todo é narrado pelo ponto de vista do Lincoln e a forma como ele aos poucos vai se apaixonando pela personalidade da Beth, sem nem imaginar como ela possa ser fisicamente, é simplesmente encantadora. É tão raro eu ler algum romance narrado por um personagem masculino que até surge um certo receio com a possibilidade de isso dar errado de algum jeito, mas aqui a fórmula foi perfeita e essa mudança no padrão só serviu para acentuar o quanto essa história é única.

Os personagens secundários têm um papel reforçado e são essenciais para o bom desenvolvimento do enredo. Amigos, família e relacionamentos amorosos são temas abordados constantemente durante toda a leitura em situações que nos fazem repensar até que ponto somos capazes de nos deixar de lado para agradar a visão que os outros possam ter das nossas vidas.

Anexos foi o primeiro livro escrito pela Rainbow Rowell e eu fiquei completamente encantada com tudo o que encontrei nessas páginas. Mal posso esperar pela oportunidade de conhecer outras obras da autora.
Dé Lima
Dé Lima

Meu nome é Débora, mas pode me chamar de Dé. Minha vida é cheia de livros, provas para concursos, doramas coreanos, turismo pela minha cidade, rock n´roll, felinos, moda vintage e café amargo. Tenho muitos planos de conhecer os lugares pelos quais já viajei através dos livros, mas o que eu queria mesmo era sair correndo pelo Louvre.

11 comentários:

  1. Tem gente que diz que esse livro é o mais chatinho da Rainbow. Eu creio que deve ser como ele foi escrito, em forma de email e tals... Mas como sendo boa fã da autora, quero muito conferir.
    Beijos
    Balaio de Babados
    Participe da promoção seis anos de Caverna Literária

    ResponderExcluir
  2. Oi Dé, qu história mais divertida ! Imagino o que tem nesses emails trocados por amigas hein ? Deve ser hilário acompanhar essa aventura.
    Quando li a sinopse pensei: Nossa, que cara maluco! Mas adorei e fiquei louca pra ler e saber como eles se conhecem e se resulta em algo.
    Beijos

    ResponderExcluir
  3. Estou doida pra ler esse livro, curto muito a escrita da Rainbow Rowell e romance narrado pelo personagem masculino, parece ser bem emocionante e cada resenha que leio dele me deixa ainda mais curiosa em conferi essa história.

    ResponderExcluir
  4. Oii Dé!
    Vi um comentário desse livro, qria tanto ler..
    Adorei a história, e pelo q vi, a escrita parece excelente!
    Bjs

    ResponderExcluir
  5. Dé!
    Realmente ter um romance narrado por um protagonista masculino é sui generis.
    E gostei, gostaria de ler o livro que ainda é hilário e me fará rir muito. Deve ser esquisito se apaixonar por alguém que nem conhece pessoalmente, mas acontece, né?
    “Não há nada que faça um homem suspeitar tanto como o fato de saber pouco.” (Francis Bacon)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    TOP Comentarista de NOVEMBRO com 3 livros + BRINDES e 3 ganhadores, participem!

    ResponderExcluir
  6. Estou louca para ler esse livro da Raibow Rowell!! Achei a história super interessante!! Gosto muito quando quem narra a história do livro é o personagem masculino!!
    Beijoss

    ResponderExcluir
  7. Não conhecia o livro e nem a autora, achei diferente o jeito que ela montou o romance mas não sei se leria, sou muito chata para romances e esse não me atraiu tanto assim.

    ResponderExcluir
  8. Oi, Dé!
    Morro de vontade de ler algo da Rainbow Rowell, e tava tão focada nisso que nem sabia direito sobre o que esse livro se tratava, mas fiquei bem feliz de ver que é algo que eu provavelmente vá gostar. Só por esse trecho já deu pra ver que a amizade das duas é super divertida.

    ResponderExcluir
  9. Não conheço a autora e nem o livro, mas lendo a resenha não me deu aquele tcham, então sei que não lerei este romance.
    ronida_sindi@hotmail.com

    ResponderExcluir
  10. Nunca li histórias neste estio, mais me parece muito interessante.

    ResponderExcluir
  11. Tenho interesse em ler esse livro. Esses e-mails devem ser bem divertidos e ter cada coisa escrito, achei diferente o personagem se interessar pela Beth, através do que ela escreve nos e-mails e não por sua aparência, afinal ele nem a conhece pessoalmente.

    ResponderExcluir

Agradeço muito sua visita e peço que participe do blog, deixando um recadinho. Opiniões, idéias, sugestões, são muito importantes para fazer o blog cada vez melhor!
Assim que possível, retribuirei a visita.

Beijos, Julia G.