A caminho do altar - Julia Quinn

Sinopse: Ao contrário da maioria de seus amigos, Gregory Bridgerton sempre acreditou no amor. Não podia ser diferente: seus pais se adoravam e seus sete irmãos se casaram apaixonados. Por isso, o jovem tem certeza de que também encontrará a mulher que foi feita para ele e que a reconhecerá assim que a vir. E é exatamente isso que acontece.
O problema é que Hermione Watson está encantada por outro homem e não lhe dá a menor atenção. Para sorte de Gregory, porém, Lucinda Abernathy considera o pretendente da melhor amiga um péssimo partido e se oferece para ajudar o romântico Bridgerton a conquistá-la.
Mas tudo começa a mudar quando quem se apaixona por ele é Lucy, que já foi prometida pelo tio a um homem que mal conhece. Agora, será que Gregory perceberá a tempo que ela, com seu humor inteligente e seu sorriso luminoso, é a mulher ideal para ele?
A caminho do altar, oitavo livro da série Os Bridgertons, é uma história sobre encontros, desencontros e esperança no amor. De forma leve e revigorante, Julia Quinn nos mostra que tudo o que imaginamos sobre paixão à primeira vista é verdade – só precisamos saber onde buscá-la. (Skoob)

Livro recebido em parceria com a Editora
QUINN, Julia. A caminho do altar. Editora Arqueiro, 2016. 320 p.

"O amor existia. Ele sabia que sim. E estaria perdido se não existisse para ele."

Ainda não acredito que está série está chegando ao fim, ainda me lembro do primeiro livro que li, das emoções, das lágrimas e sorrisos compartilhados no decorrer destes oito livros.

Em A caminho do altar, conhecemos a história de Gregory, o irmão implicante, estamos acompanhando seu crescimento desde o livro O duque e eu, e neste momento ele já completou 26 anos de idade.

Gregory é um romântico que acredita em amor verdadeiro, também não poderia ser de outra forma, já que cresceu vendo seus irmãos casados e felizes em seus respectivos casamentos, isso fez com que ele criasse sua própria opinião do que seria o amor, e a ideia de que com ele viveria feliz para sempre quando encontrasse a mulher com quem compartilharia a vida.

Por isso, quando ele se depara com a nuca da jovem Hermione, acha que está apaixonado justamente pelo sentimento que tem de plenitude e pela forma como reage a ela, reações essas parecidas com as que seus irmãos descrevem como amor.

Porém ele não contava com o fato de que a mulher por quem acha que está apaixonado não sentisse o mesmo por ele. Hermione acha que está apaixonada por um empregado do seu pai, o que a torna emocionante indisponível para Gregory e todos os outros pretendente.

É ai que Lucy entra, ela é uma bela jovem e melhor amiga da Hermione, mas sua beleza é ofuscada pela beleza da sua amiga. Não que ela se importe com isso, afinal, já está acostumada. Então quando Gregory entra na jogada, ela resolve ajudá-lo a conquistar o coração de Hermione, mas ela só não esperava perder o seu no caminho.

"Ela estava apaixonada por ele. Não poderia ser mais claro... ou mais cruel."

Lucy é o tipo de personagem prática, ela sempre usa a razão e a lógica... bom até se apaixonar.

Ela está acostumada a agradar tudo e a todos, colocando-se sempre em último lugar, seus anseios e desejos pouco importam. Mas quando Gregory aparece em sua vida essas prioridades mudam, ela se permite pensar no e se... Em controvérsia, continua lutando contra seus sentimentos e resolve ouvir a voz da razão, mesmo que tivesse encontrado em Gregory tudo o que secretamente sonhou, mesmo que isso signifique abrir mão da sua felicidade, pois ela está noiva de outro homem e já aceitou que não iria se casar por amor.

Gregory é o caçula dos homens, por isso há uma certa tensão nele, que deseja a aprovação dos irmãos, e isso fica claro do decorrer na leitura, ele tenta se achar, ao mesmo tempo que tenta corresponder às expectativas que sua posição traz.

Gostei de como a autora desenvolveu a trama, sem deixar de fora os personagens secundários, deu para matar um pouco a saudade que os personagens dos livros anteriores deixaram. A caminho do altar não é lá o melhor livro da série, mas me encantou à sua própria maneira.

Lucy me decepcionou em vários momentos, acho que no final eu aceitei que ela não merecia o Gregory, suas escolhas me deixaram tão frustrada, a sua mania de pensar nos outros antes de si mesma levaram o nosso mocinho a sofrer bastante, eu não a perdoaria tão fácil como ele fez, mas, enfim, todo mundo erra.

"Sorte sua que eu a amo tanto. Caso contrário, eu teria de lhe colocar uma mordaça."

A caminho do altar começou pelo fim, isto é, pelo desfecho dessa história, que é quando Gregory invade o casamento de Lucy para se declarar para sua amada, o que foi uma surpresa para mim. Outra coisa que adorei foi que nesse livro os capítulos começam como se a autora estive contando uma história, dentro de outra história.

"No qual nosso herói se apaixona.
No qual nosso herói e nossa heroína têm uma conversa muito intrigante.
No qual nossa heroína descobre uma verdade sobre o irmão (mas não acredita), nosso herói descobre uma segredo sobre a Srta. Watson (mas não está preocupado com isso) e os dois descobrem uma verdade sobre si mesmo (mas não se dão conta)."

O final foi um pouco corrido, mas isso não diminuiu a minha felicidade de conhecer mais essa história. O próximo livro da série é E viveram felizes para sempre, que é basicamente um epilogo dos oito livros mais a história de Violet Bridgertons, para leitores que, assim como eu, estavam ansiosos por esse livro.

Se você gosta de romances de época com uma família grande e bastante intrometida, e uma matriarca casamenteira, não deixe de conferir Os Bridgertons, tenho certeza que irão amar.

Marlene Conceição
Marlene Conceição

Apaixonada por livros, amante de séries, sonha em fazer um intercâmbio para estudar, ama ler livros ouvindo músicas de diferentes estilos, seu primeiro contato com a literatura foi através da saga Crepúsculo e desde então esse amor por livros só aumentou.

11 comentários:

  1. Oi Ju
    Eu amo esta série, mas meu prefiro é O Duque e eu e Os segredos de Colin Bridgerton. No momento estou lendo o ultimo da série e estou amando, pq a autora fez um segundo epílogo para cada livro esclarecendo coisas que ficaram em aberto, está demais.
    Um Feliz Natal Ju!!
    Beijinhos
    http://diariodeincentivoaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Oi Ju! Amo essa série, Julia Quinn arrasa, gostei muito desse último livro mesmo não sendo o meu favorito, também estou super ansiosa pra ler E viveram felizes para sempre e conferi a história da Violet.
    Bjs

    ResponderExcluir
  3. acho que foi o livro que mais me emocionou ao longo da série, pois eu não colocava muita fé ou expectativa no Gregory e ele me surpreendeu
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Oi.
    Eu não adorei rever um pouco dos meus queridinhos no decorrer da narrativa, apesar da minha frustração com a mocinha em todo o caso, estou ansiosa demais pelo próximo, ao mesmo tempo em que não quero de forma algum da adeus a essa série maravilhosa.
    Boa Tarde.

    ResponderExcluir
  5. Oi!!
    Como ainda estou lendo o segundo livro dessa série da Julia Quinn não li a resenha. Mas adoro essa série!!
    Beijoss

    ResponderExcluir
  6. Essa série é super fofa, vale muito a pena ler e essa família é um amor atrás do outro! xD
    Difícil saber de quem gostar mais...Mas esse livro achei bem com cara de saudade. Tipo uma história para acabar mesmo toda a jornada. Não me emocionou tanto também, mas achei fofo. E o final eu gostei de como foi feito, o que acontece com ele. Ficou bem legal considerando o histórico da família.
    Quero ver se leio esse outro que saiu agora. Só imagino os finais de cada um *-*

    ResponderExcluir
  7. Mariane!
    Gostei demais de ver que Gregory invade o casamento de Lucy e se declara, só isso já valeria a leitura do livro.
    “Desejo a você e à sua família um Natal de Luz! Abençoado e repleto de alegrias. Boas Festas!” (Priscilla Rodighiero)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    TOP Comentarista de DEZEMBRO ESPECIAL livros + BRINDES e 4 ganhadores, participem!

    ResponderExcluir
  8. Oi, Marlene!
    Também amo os Bridgertons e não posso acreditar que essa história finalmente está chegando ao fim. Dessa série o livro que mais me encantou e me fez rir foi O Visconde que me Amava.
    Ainda não li o romance do Gregory, mas o livro já está separado aqui. ^.^
    Beijos!

    ResponderExcluir
  9. Leio um romance na vida e outro na morte. É um gênero que acho tudo mais do mesmo e jamais teria paciência para ler uma serie tão grande hahah acho que demoraria uns 10 anos para ler tudo.

    ResponderExcluir
  10. Ainda não li nenhum livro dessa série alias da autora. Deve ter muitas surpresas e diversão essa leitura, que obra do destino Lucy se apaixonar pelo pretendente da amiga essa ela não esperava rs. Se for ler acho que me irritaria com Lucy por colocar a prioridade dos outros em primeiro lugar ao invés da dela.

    ResponderExcluir
  11. Como você, ainda não acredito que essa série está chegando ao fim, por enquanto só li o primeiro livro da série Os Bridgertons, O Duque e Eu, mas que fez eu adorar livros do gênero romance de época, e querer sem dúvidas ler todos os livros dessa série, sem dúvidas pretendo ler A Caminho do Altar e não tenho dúvidas que irei adorar a história.

    ResponderExcluir

Agradeço muito sua visita e peço que participe do blog, deixando um recadinho. Opiniões, idéias, sugestões, são muito importantes para fazer o blog cada vez melhor!
Assim que possível, retribuirei a visita.

Beijos, Julia G.