Quando a Bela domou a Fera - Eloisa James

Sinopse: Eleito um dos dez melhores romances de 2011 pelo Library Journal, "Quando a Bela domou a Fera" é uma releitura de um dos contos de fadas mais adorados de todos os tempos.
Piers Yelverton, o conde de Marchant, vive em um castelo no País de Gales, onde seu temperamento irascível acaba ferindo todos os que cruzam seu caminho. Além disso, segundo as más línguas, o defeito que ele tem na perna o deixou imune aos encantos de qualquer mulher.
Mas Linnet não é qualquer mulher. É uma das moças mais adoráveis que já circularam pelos salões de Londres. Seu charme e sua inteligência já fizeram com que até mesmo um príncipe caísse a seus pés. Após ver seu nome envolvido em um escândalo da realeza, ela definitivamente precisa de um marido e, ao conhecer Piers, prevê que ele se apaixonará perdidamente em apenas duas semanas.
No entanto, Linnet não faz ideia do perigo que seu coração corre. Afinal, o homem a quem ela o está entregando talvez nunca seja capaz de corresponder a seus sentimentos. Que preço ela estará disposta a pagar para domar o coração frio e selvagem do conde? E Piers, por sua vez, será capaz de abrir mão de suas convicções mais profundas pela mulher mais maravilhosa que já conheceu? (Skoob)

Livro recebido em parceria com a Editora
JAMES, Eloisa. Quando a Bela domou a Fera. Editora Arqueiro, 2017. 320 p.


Quem acompanhar o blog sabe que eu tenho um estilo de leitura bem variado - vou da fantasia ao thriler e do romance ao clássico, passando por vários outros gêneros nesse meio, em um mesmo mês. Acredito que cada leitura tem seu momento e, depois de algumas leituras mais densas, resolvi resgatar um romance de época da estante. O escolhido foi Quando a Bela domou a Fera, de Eloisa James, e que escolha mais perfeita! O livro é tão amorzinho e tão gostoso de ler que me fez largar tudo o que eu tinha para fazer para ler.

Na trama, Linnet se vê envolvida em um escândalo - no qual é absolutamente inocente - e precisa de um marido, ou provavelmente não terá outra oportunidade de se casar. Para resolver a situação, seu pai resolve oferecer sua mão ao conde de Merchant, Piers, um nobre tão conhecido por seus dotes médicos quanto pelo temperamento que lhe conferiu o apelido de "a fera".

Claro que a trama de Eloisa James é cheia de clichês, principalmente porque é um romance de época e uma releitura de A Bela e a Fera, então não tem como fugir muito disso. Mas aviso desde já: não se deixem afastar por esse detalhe, pois se gosta de romances, vale a pena apostar nesse, juro! Apesar de um ou outro toque batido de outras histórias de amor, a trama tem um toque único e especial e o que mais gostei logo de cara foi que, apesar de implicarem um com o outro, Linnet e Piers combinam muito e criam uma cumplicidade desde o início.

Nessa brincadeira de concordar em discordar dos personagens, é possível conhecer mais a fundo seus carismas. Linnet é uma mulher extremamente bonita e, apesar de achar que essa é sua característica mais importante, na verdade não vê o poder que tem. Ela não se resume à beleza, já que tem um senso de humor cativante e um conhecimento que confere força às suas palavras, afinal, é uma leitora voraz. O engraçado é que todos os seus genes de família não surtem qualquer efeito em Piers, que se encanta, na verdade, por sua audácia.

Piers, por sua vez, é totalmente fora dos padrões de sua época e fica longe do socialmente aceitável. Trata-se de um médico muito eficiente, mas dotado de humor negro e pouca compaixão, características que ficam acentuadas pela dor causada por um problema antigo na perna. Não tem filtros ao expor o que pensa e sua sinceridade quase dói. Mas isso não assusta Linnet, na verdade a atrai, já que é a primeira vez que um homem fala tudo o que pensa de verdade.

Eu simplesmente adorei a forma como personagens aparentemente tão diferentes puderam se mostrar tão iguais - ela escondia seu lado negro por trás do ar adorável, enquanto ele escancarava seus defeitos em sua insensibilidade. Ver as mudanças que um provocou no outro, o modo como o encontro entre eles fazia submergir a verdadeira essência de cada um, foi tocante. E muito, muito divertido. As cenas entre Linnet e Piers resultavam em diálogos ácidos, inteligentes e sem joguinhos, que inevitavelmente levavam a boas gargalhadas.

A narrativa de Eloisa James não é só romântica, mas tem um quê de picante, e não me refiro aqui apenas às cenas de amor entre os personagens. Seu texto tem intensidade, envolve o leitor, revira o íntimo dos protagonistas e nos conecta aos sentimentos deles. É apaixonante, definitivamente.

Li algumas resenhas que comentavam que Piers foi baseado no personagem do Dr. House. Não posso dizer que é verdade porque não assisto à série, mas talvez seja mais um motivo para ler o livro, não?

Quando a Bela domou a Fera é uma leitura que faz esquecer as responsabilidades e os compromissos, pois tudo que se quer é mergulhar nessa história de amor intensa e apaixonante.

Ju - Conjunto da Obra
Ju - Conjunto da Obra

Apaixonada pela leitura desde a infância, tantos livros lidos que é impossível quantificar. Alguém que vê os livros como uma forma de viajar o mundo e lugares mais incríveis que possam ser criados pela imaginação, sem precisar sair do lugar. Tem o blog como uma forma de dividir experiências e, principalmente, as emoções que as leituras despertaram, para compartilhar idéias e aproveitar sugestões de leitura, envolvendo mais e mais pessoas em um mundo onde a imaginação não tem limites.

28 comentários:

  1. Olá!!
    Preciso ler esse livro. Eu amo romances e esse parece ser tão lindo.
    Eu nunca leria esse livro pela capa, que achei extremamente sem graça (sim! julgo um livro pela capa). Até ler essa resenha surpreendentemente positiva e agora estou ansiosa por tê-lo em minha estante. Bjos!

    ResponderExcluir
  2. Estou super curiosa em relação a essa história.
    Ainda mais tendo a ver com A bela e a fera.
    Parece ser uma história super criativa, com um certo diferencial e muuuito delicinha, além de divertida.
    Espero conferir em breve, já está na minha listinha de desejados.
    Beijos

    ResponderExcluir
  3. Olá Ju! Estou doida pra ler esse livro, curto muito uma releitura de contos de fadas, ainda mais da Bela e a Fera que é uma dos meus favoritos, cada resenha que leio dele me deixa ainda mais curiosa em conferi essa história.
    Bjs

    ResponderExcluir
  4. Quero muito ler ainda mais se o personagem for baseado no Dr. House assisto a série e adoro o humor negro dele rs. Deve ser bem divertida as discussões dos personagens e deve também nos passar lições em relação a julgarmos pelas aparências. A leitura parece gostosa e envolvente e nos deixa ansiosos por cada virada de página.

    ResponderExcluir
  5. Oi Ju!!
    Enredo maravilhoso esse, cada vez que leio resenhas desse livro, mas ainda me apaixono e tenho ctz absoluta de que vale a pena ler.
    Bjs!

    ResponderExcluir
  6. O House e muito inteligente, porém possui uma personalidade forte, e um humor negro, e imagino que este seja o motivo da comparação de ambos que pela sua descrição tem tudo haver. Além do mais os outros personagens me pareceram bem descritos, principalmente pelo casal ser fora dos padrões daquela época, e viverem brigando e discordando de tudo, de uma forma geral esta estória me desperta curiosidade e interesse na leitura.

    Participe do TOP COMENTARISTA de Julho, para participar e concorrer aos livros "O Casal que mora ao lado" e "Paris para um e outros contos".
    http://petalasdeliberdade.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Ju!
    É o seguinte...sou totalmente apaixonada pelos contos de fadas e suas releituras, principalmente se é de A Bela e a Fera, meu conto favorito de todos.
    E ver que mesmo com algumas modificações do original, o livro é muito envolvente e ainda sabendo que a Fera foi baseada no meu tão amado Dr. House, tenho ainda mais interesse em poder ler.
    Uma semana esplendorosa!
    “O amor é a única loucura de um sábio e a única sabedoria de um tolo.” (William Shakespeare)
    Cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA DE JULHO 3 livros, 3 ganhadores, participem.
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Adoro contos de fada e se for para uma releitura atual e mais cheia de detalhes, fica melhor ainda. Já assisti muito o Dr House, que realmente tem um humor negro, mas sempre acerta em seus prognósticos. Se o personagem foi baseado nele, deve ser bom. Quero ler o livro.

    ResponderExcluir
  9. Olá, Quando vi o Título do livro - Quando a Bela domou a Fera e capa lindíssima fiquei louca para ler, amor releitura de contos de fadas, a cada resenha que leio dele me deixa ainda com mais vontade de conferir essa linda história.

    ResponderExcluir
  10. Amo um bom romance já que é o meu gênero favorito de leitura, e ainda tem uma releitura de contos de fadas, melhor da Bela e a Fera? Não posso deixar de ler. Ao ler a resenha pude sentir tudo o que você quis passar nas palavras, da para perceber que realmente gostou da leitura, e que parece ser fantástica, daquelas que quando termina até suspira. Com certeza vou ler algum dia, valeu pela dica.

    Visitem meu blog!
    garotaeraumavez.blogspot.com.br
    Obrigada!

    ResponderExcluir
  11. Eu mesmo pensai no House enquanto estava lendo sua resenha. Adoro ler alguns bons romances intercalados com literaturas mais densas.

    ResponderExcluir
  12. estou lendo a versão do último filme lançado, e estou amando. quero ler essa versão tb!

    ResponderExcluir
  13. Oi!
    Gosto de muito de contos de fada e toda sua magia. E essa releitura parece estar linda e envolvente.
    Estou com uma ótima expectativa para fazer a leitura.
    Excelente resenha.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  14. Assim que eu soube do lançamento deste livro, fiquei muito a fim de conferir. A capa é simples, mas linda, e a sinopse me aguçou a curiosidade. Imagine então como fiquei ao saber que, Quando a Bela domou a Fera, é uma releitura de A Bela e a Fera, que é o meu conto de fadas preferido? Minha ansiedade em ler está nas alturas, principalmente depois de ler a sua resenha e saber que o livro é bem escrito, com uma história atraente e personagens admiráveis.
    Bjos!

    ResponderExcluir
  15. Eu não conhecia este livro, mas após ler sua resenha foi uma surpresa para mim ele ser romance de época, achei que era outro estilo de história, mas como gosto muito de livros de romance de época acabei me interessando em ler este livro, e após ler seus diversos comentários positivos sobre esta história, adicionei Quando a Bela Domou a Fera em minha lista de leituras e pretendo ler ele em breve.

    ResponderExcluir
  16. Esse livro reúne duas das coisas que eu mais gosto em uma boa leitura: o meu conto de fadas favorito e o estilo romance de época que eu amo de paixão. Já tenho esse livro em minha lista há um tempo, mas ainda estou esperando comprá-lo para poder ler. Quem sabe eu ganho a promoção e vou poder ler de imediato.

    ResponderExcluir
  17. Sempre li resenhas sobre os livros da Eloisa, mas, de fato, ainda não li nada e Arqueiro foi muito feliz em aproveitar o lançamento do filme e publicar o livro na mesma época. O livro já chegou causando polêmica num dos grupos que participo: parece que a tradutora andou tomando certas liberdades e mudou a espécie um peixe pra um que não existe na Inglaterra, mas que é bem conhecido por nós e isso enfureceu alguns leitores. Mas traduzir é isso, é adaptar. Contanto que não mudem a essência da história. Sou uma das órfãs de Dr. House, amo personagens mal humorados, então já adorei Piers.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Jois, não sabia sobre isso da tradução, interessante. Eu também prefiro que sejam mantidas as características originais, mas é possível que o tal peixe nem tenha nome por aqui.

      Beijos

      Excluir
  18. Romances de época são sempre muito parecidos mas são tão bons, os diálogos são tão inteligentes, as protagonistas são maravilhosas, adorei todos que já li. Só vi resenhas positivas e minha curiosidade só aumenta. Não li nada falando do Dr. House como inspiração p/ o Piers mas pelas características que vc descreveu, realmente pode ser. Tudo bem que morro de preguiça do House mas quem sabe o Piers?

    ResponderExcluir
  19. sou apaixonada por romances de época, esse livro foi muito comentado e adorei a resenha. Quero poder lê-lo por completo.

    ResponderExcluir
  20. Louco para conhecer essa releitura, será que a bela Linnet irá conseguir amansar e domar o conde Piers, bem só lendo para saber.

    ResponderExcluir
  21. essa releitura nos lembra o grande clássico A Bela e a Fera, gosto muito de romances. e, quero conhecer melhor essa história . Onde a mocinha conhece o conde, em que todos chamam de fera por conta de seu temperamento. Será que irá conseguir domá-lo?

    ResponderExcluir
  22. hum, chego a suspirar por esses contos. E, essa releitura de um conto de fadas, promete. doidinha pra ler esse clássico, conhecer essa historia melhor .

    ResponderExcluir
  23. hum, a resenha despertou minha curiosidade em conhecer melhor este livro. Adoro romances de época, e esse clássico irá mecher com meu imaginário.

    ResponderExcluir
  24. Oi Ju!!
    Adoro livros de época e esse é um dos que mais quero ler!! Amei a ideia da autora de colocar o mocinho com características de Dr. House!!
    Bjoss

    ResponderExcluir
  25. Uma história de amor improvável, que a garota terá que domar o conde,transformá-lo em alguém capaz de amar de verdade. Já li várias resenhas desse livro e cada vez mais fico curiosa para saber se ela vai conseguir mudar mesmo esse jeito rude de ser do conde.

    ResponderExcluir

Agradeço muito sua visita e peço que participe do blog, deixando um recadinho. Opiniões, idéias, sugestões, são muito importantes para fazer o blog cada vez melhor!
Assim que possível, retribuirei a visita.

Beijos, Julia G.