Mentira Perfeita - Carina Rissi

Fonte da Imagem: Gettub
Sinopse: Júlia não tem tempo para distrações. Ela é brilhante e sempre se esforça para ser a melhor naquilo que faz; por essa razão, sua vida pessoal acabou ficando de lado. Algo que sempre preocupou sua tia que Berenice. Gravemente doente, a mulher teme que Júlia acabe completamente sozinha quando ela se for. Júlia faria qualquer coisa qualquer coisa mesmo! por sua tia Berê e, em seu desespero para agradar a única mãe que já conheceu, inventa um noivo enquanto torce por um milagre... E então o milagre acontece: Berenice se recupera e, assim que deixa o hospital, gasta todas as sua economias com o casamento dos sonhos para sua sobrinha. Como Júlia pode contar a ela que mentiu, com a saúde da tia ainda tão frágil? É quando Júlia conhece Marcus Cassani. Ele é irritante, cínico, mulherengo e lindo de um jeito que a deixa desconfortável. Marcus também está enfrentando problemas, e um acordo entre eles parece ser a solução. Tudo o que Júlia sabe é que deveria se afastar de Marcus. Mas seu coração tem uma ideia muito diferente... Mentira Perfeita é um spin-off de procura-se um marido, uma história que se passa no mesmo universo da primeira. Aqui você vai conhecer novos personagens inesquecíveis, além de rever aqueles que já moram no seu coração.(Skoob)
RISSI, Carina. Mentira Perfeita. Editora Verus, 2016. 462 p.


Em Mentira Perfeita conhecemos um casal que não poderia ser mais diferente um do outro, mas a mentira que os une dá início a uma linda história de amor.

De um lado temos Júlia, uma programadora de computadores, casada com seu trabalho e muito enrolada, que pode ou não, junto com seu amigo, ter inventado uma mentira descabida para sua tia Berenice, que estava à beira da morte, precisando de um transplante de coração. Mas para sorte ou azar da Júlia, sua tia tem uma melhora milagrosa depois da sua pequena grande mentira, o que gera um problema ainda maior. Berenice decide que seria uma boa ideia pagar o casamento da sobrinha com todas as economias que juntou durante a vida, mas o problema é que não existe noivo, e Júlia não pode quebrar o contrato de casamento sem magoar sua amada tia, ou pior, fazer ela ter uma recaída e voltar ao estado que estava antes de toda essa confusão.

"Você me deu uma razão para lutar, E eu venci! Você é o motivo de eu ainda estar aqui, meu amor. Quando é que vou conhecer seu futuro noivo?"

Do outro lado temos Marcus, que há alguns anos sofreu um acidente de moto e ficou preso a uma cadeira de rodas, e agora ele quer independência. Entretanto, sua família não aceita muito bem a ideia, já que corre um comentário de que ele tentou se matar cortando os pulsos, mas ele jura de pés juntos que foi apenas um acidente. Depois de muita conversa, a família chega à conclusão de que se ele arrumar uma acompanhante, ele pode se mudar da casa do irmão e ir morar sozinho.

"Às vezes você se sente tão sozinho que parece estar à deriva no meio do oceano. Nada à frete, nada atrás, nada em lugar nenhum exceto as ondas que quebram sobre você, ameaçando engoli-lo. Mas algumas vezes - raras vezes - um ponto negro surge no horizonte e vai crescendo até se torna a silhueta de um barco, até uma mão se esticar em sua direção e você sair do inferno, Júlia era o meu barco, a mão estendida, o ponto negro no meu nada."

E aí que a confusão maior começa. Depois que Marcus fica sabendo dos problemas da Júlia com o noivo inexistente e com os problemas de saúde da tia, ele chega à solução perfeita para ambos os casos: ele finge ser o noivo perfeito da Júlia, e ela finge ser sua acompanhante, para que ele possa, enfim, deixar de ser um fardo para seu irmão e cunhada.

"Algumas vezes, tudo o que se precisa é de uma grande mudança, algo totalmente novo, que faça você tremer só de pensar no que o futuro lhe reserva."

Júlia é o tipo de personagem ao qual torna-se impossível não amar mas primeiras páginas. Ela é tão decidida, mas ao mesmos tempo indecisa, uma menina mulher. Sua lealdade, seu amor, seu carinho, sua preocupação pela fragilidade da saúde da tia, sua dedicação e boa vontade, tudo é tão perceptível, que torna impossível para o leitor não torcer para que tudo dê certo no final.

Confesso que me surpreendi com o Marcus. Ele é o tipo de personagem que tinha tudo para ser insuportável, amargurado e triste com tudo e com todos, mas, ao contrário do que eu esperava, ele é, na verdade, cheio de vida. Vira e mexe, ele surpreende o leitor com sua maneira de pensar e de se expressar. Lógico que ele tem seus momentos, mas ele não é o tipo de pessoa que desiste na primeira adversidade. Ele insiste, vai em frente e não deixa que o fato de ser cadeirante, diminua seu valor ou o torne incapacitado para qualquer coisa.

"- O dia está lindo, não está?
Marcus observou o manto cinzento repleto de pesadas nuvens escuras sobre as nossas cabeças. Sorriu de novo. Mais um daqueles sorrisos raros. Que já não eram tão raros como antes, me dei conta.
- Está perfeito, Pin. Não consigo imaginar um dia mais bonito que esse."

Mentira Perfeita é o spin-off de Procura-se um marido. No livro, revemos um pouco do nosso querido casal, Alicia e Max. Ambos estão interligados com os personagens de Mentira Perfeita. Max é irmão do Marcus, e Alicia é chefa de Júlia. 

A escrita da Carina continua maravilhosa, os diálogos são bem divertidos e elaborados, os personagens são cativantes e bem diferentes entre si, o que deixa a leitura fluída e bem rápida, apesar do livro ter quase 500 páginas. Ainda estou com saudade dos nossos queridos personagens.

"Não importa quantos corações eu venha a ter nesta vida, eles sempre vão ser seus."

A Verus não poderia ter caprichado mais neste livro. A diagramação é ótima, as letras são médias e confortáveis, as páginas amareladas, a capa é linda e tem tudo a ver com o livro. Temos uma narrativa em primeiro pessoa, mas ao contrário de Procura-se um marido, Mentira Perfeita é narrado por ambos os personagens, alternando entre eles, o que foi maravilhoso. 

Enfim, a leitura foi ótima, adorei desfrutar de mais essa linda obra da nossa querida Carina Rissi.
Marlene Conceição
Marlene Conceição

Apaixonada por livros, amante de séries, sonha em fazer um intercâmbio para estudar, ama ler livros ouvindo músicas de diferentes estilos, seu primeiro contato com a literatura foi através da saga Crepúsculo e desde então esse amor por livros só aumentou.

14 comentários:

  1. Oi, Marlene. Eu amo a Carina e com esse livro não foi diferente, simplesmente amei a Júlia! Eu me identifiquei tanto com ela e torci muito para que ela e o Marcus ficassem juntos. Ele, por sua vez, se mostrou uma pessoa encantadora mesmo sendo cadeirante, achei isso lindo e maravilhoso.
    Beijo! http://leitoraencantada.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Sou apaixonada pela Carina, acho os livros fantásticos, romances que abordam temas bem reais, neste caso o acidente de Marcos e os conflitos de uma pessoa ficar em uma cadeira de roda e depender de outros, muito lindo, amei.

    ResponderExcluir
  3. Oi, Marlene!
    Acho os livros da Carina Rissi uma graça, e sempre morro de vontade de comprar um e conferir tudo de perto. Adorei que nesse ela tenha explorado uma história com um cadeirante, é algo não muito comum, mas que deveria ser. A história como um todo me lembrou um bom chick-lit da Sophie Kinsella, com todas essas mentiras atrappalhadas da Júlia.

    ResponderExcluir
  4. Adorei o Marcus em Procura-se Um Marido, não vejo a hora de ler esse livro para matar a saudade dele kk, apesar de ser cadeirante ele não perde o humor e esta sempre tentando se virar sozinho, admirei isso nele. Essa historia dos dois se ajudarem vai dar uma confusão só, que deve gerar muitas risadas.

    ResponderExcluir
  5. Estou doida pra ler esse livro, amei Procura-se um marido, curto muito a escrita da Carina Rissi, parece ser bem emocionante e cada resenha que leio dele me deixa ainda mais ansiosa em conferi essa história.

    ResponderExcluir
  6. Marlene!
    Que enredo engenhoso, hein? Gostei muito da criatividade da Carini em colocar ambos protagonista em situação bem complicada e no final pelo que posso prever, ver que o casal acabará se entendendo e curtindo o romance.
    E com protagonistas tão fortes e obstinados, nem tem como dar errado, não é mesmo?
    Gostaria de ler.
    “Para saber uma verdade qualquer a meu respeito, é preciso que eu passe pelo outro.” (Jean-Paul Sartre)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Nossa, o livro é bem grande ne ?! Mas toda vez que vejo a resenha desse livro, dá vontade de ler, acho a história linda e cativante, adoro esses casais que começam meio errado, e no final tudo vira um amor mais apaixonante do mundo ! Com certeza ainda vou ler 😉

    ResponderExcluir
  8. Eu li esse livro e me sinto uma ET pq só vejo elogios e eu não achei ele tudo isso, a história em si é bonitinha e o livro é realmente muito bem escrito, mas achei clichê demais e tem uns acontecimentos que apenas não dá pra entender de tão sem noção.
    Achei um livro ok, bom para passar o tempo mas não é aquele livro que te prende e te faz suspirar.

    ResponderExcluir
  9. Amei Marlene!!
    Tenho uma grande curiosidade de conhecer a escrita da Carina, pois tdos flam mto bem de suas obras, anotei a dica pra tentar ler na nova listinha de metas...
    bjs

    ResponderExcluir
  10. Ainda não li nenhum livro da Carina Rissi, porém os livros dela são muito bem recomendados!! Pelo que li aqui este é outro dela que quero ler!! Está na cara que está mentira perfeita vai ceder lugar ao amor entre Marcus e Júlia!! E eu já quero ler!!

    ResponderExcluir
  11. Ainda não li nenhum livro da Carina Rissi, mas estou louca para ler esse livro!! Já li várias resenhas falando super bem dos livros dela!! Espero ler em breve esse livro como também Procura-se um marido!!
    Beijoss

    ResponderExcluir
  12. Comprei esse livro, ainda vai chegar, acho que irei gostar

    ResponderExcluir
  13. Eu queria entender porque ainda leio suas resenhas Marlene! Porque tipo assim,não tenho dinheiro para todos os livros do mundo(ainda). Você simplesmente arrasou na resenha,me deixou com mais vontade de ler o livro,ele parece ser tão divertido. Quando comprar,espero não me arrepender. Parabéns! Você escreve muito bem! :D

    ResponderExcluir
  14. Olá Marlene!!!
    Acredita que ganhei esse livro numa promoção de Dia dos Namorados, porém até agora não tive tempo de lê-lo apesar de querer muito :(
    Amo a escrita da Carina conheci ela por causa de Perdida, mas a escrita dela é tão incrível que lhe conquista pouco a pouco.
    Achei a capa linda e a história e os personagens já me conquistaram só pelas resenhas maravilhosas que venho lendo sobre o livro.
    Parabéns pela resenha :)

    lereliterario.blogspot.com

    ResponderExcluir

Agradeço muito sua visita e peço que participe do blog, deixando um recadinho. Opiniões, idéias, sugestões, são muito importantes para fazer o blog cada vez melhor!
Assim que possível, retribuirei a visita.

Beijos, Julia G.