Vinte garotos no verão - Sarah Ockler

Sinopse: Na verdade, as coisas não vão embora. Elas se transformam em algo diferente. Em algo mais bonito
Quando alguém que você ama morre, as pessoas perguntam como você está, mas não querem saber de verdade. Elas buscam a afirmação de que você está bem, de que vocêaprecia a preocupação delas, de que a vida continua. Em segredo, elas se perguntam quando a obrigação de perguntar terminará (depois de três meses, por sinal. Escrito ou não escrito, é esse o tempo que as pessoas levam para esquecer algo que você jamais esquecerá).
As pessoas não querem saber que você jamais comerá bolo de aniversário de novo porque não quer apagar o sabor mágico de cobertura nos lábios beijados por ele. Que você acorda todos os dias se perguntando por que você está viva e ele não. Que na primeira tarde de suas férias de verdade você se senta diante do mar, o rosto quente sob o sol, desejando que ele lhe dê um sinal de que está tudo bem. (Skoob)
OCKLER, Sarah. Vinte garotos no verão. Ribeirão Preto, SP: Novo Conceito Editora, 2014. 288 p. 


"Aconteceu o impossível, e foi belo. Então, tudo terminou antes mesmo de começar, não deixando nada para trás além se segredos e corações partidos." (p. 263)

Dentre todos os lançamentos enviados pela Editora Novo Conceito, Vinte garotos no verão foi, de cara, o que me encantou. A cor da capa, o coração de vidros do mar com a textura mais brilhante e os comentários que começaram a pipocar nos blogs sobre o livro tiveram grande influência, mas tudo isso foi apenas alguns dos fatores que agregaram ao fato de a história ser tão boa.

Narrado em primeira pessoa a partir do ponto de vista de Anna, não há como saber o que se passa com os outros personagens senão pelas percepções da protagonista. Particularmente, não senti falta de maiores informações. O livro de Sarah Ockler narra apenas um mês da amizade - de uma vida toda - entre Anna, Frankie e Matt antes da morte deste último, mas a autora conseguiu colocar tanta intensidade nas poucas páginas que escreveu sobre isso que o envolvimento com a história - e as primeiras lágrimas nos olhos - aparece logo nos primeiros capítulos.

O enredo mostra que é a partir da morte de Matt que a história realmente tem início: é o primeiro verão sem ele, na casa onde ele costumava sempre passar suas férias, e a dor e a dúvida não deixam Anna e Frankie, porque seguir sem Matt parece ser o deixar ir.

"Ele adorava ler. Ele adorava palavras, a forma como elas se reúnem em frases e histórias. E queria estudá-las, conhecê-las, criá-las, compartilhá-las com o mundo. [...] Lia com intensidade e se apaixonava por todos os personagens, pela reviravolta na história ou pela linguagem utilizada. Fazia os personagens ganharem vida para nós, como se não estivesse lendo um livro de ficção, e sim contando histórias sobre os próprios amigos." (p. 164)

Anna está naquela fase da adolescência na qual ainda não encontrou o seu lugar. Sabe que não é mais criança, tampouco pode ser considerada mulher. Porém, em vez de ser aquele tipo de protagonista irritante sem qualquer autoestima ou, ainda, que quer ser diferente para se reafirmar, ela apenas é. É claro que ela ainda tem suas dúvidas e suas inseguranças, ou não seria adolescente, mas Ockler conseguiu colocar isso de maneira inteiramente natural.

A partir dessas características verdadeiras, a autora conseguiu, também, fazer com que o leitor partilhe dos sentimentos da protagonista: o encantamento com Matt, a dor advinda de sua perda, a falta de confiança para viver sem e o medo de esquecer dele, a dúvida e o peso de cumprir uma promessa.

Vinte garotos no verão não é apenas a história de duas amigas que querem aproveitar o que a vida tem para oferecer, mas a histórias de duas amigas que têm de aproveitar por saber que tudo o que a vida dá, ela pode retirar. É uma história que trata da construção de sonhos por sobre outros destruídos, da necessidade de seguir em frente, do amor que simplesmente existe e está lá. Trata de amizade e de esperança, trata de crescer e se descobrir.

É um livro lindo, com uma mensagem intensa e leve ao mesmo tempo, cheio de conflitos, cheio de tristezas e alegrias, cheio de vida.
Ju - Conjunto da Obra
Ju - Conjunto da Obra

Apaixonada pela leitura desde a infância, tantos livros lidos que é impossível quantificar. Alguém que vê os livros como uma forma de viajar o mundo e lugares mais incríveis que possam ser criados pela imaginação, sem precisar sair do lugar. Tem o blog como uma forma de dividir experiências e, principalmente, as emoções que as leituras despertaram, para compartilhar idéias e aproveitar sugestões de leitura, envolvendo mais e mais pessoas em um mundo onde a imaginação não tem limites.

9 comentários:

  1. Oi Ju

    Esse foi o lançamento da NC quer mais me encantou quando chegou em casa. Queria ler essa história há um tempão e fiquei encantada quando enfim foi publicada aqui.
    Não sabia o que esperar do livro, mas não era o que li na sua resenha. Imaginei uma história completamente diferente.
    Espero poder ler em breve e curtir.

    Beijos
    Mundo de Papel

    ResponderExcluir
  2. Parece ser um livro lindíssimo
    Já achei resenhas bem positivas a respeito
    Estou com ele aqui e já vou colocar na fila

    Beijos
    @pocketlibro
    http://pocketlibro.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Oie Ju =)

    Ahh!! Eu fiquei tão feliz com a sua resenha!
    Estava bem curiosa para ler esse livro, mas como ainda não tinha lido nenhum resenha eu não sabia o que esperar.
    Parece ser um livro maravilhoso! Vou começar a ler ele imediatamente *-*

    Beijos e um ótimo final de semana;***

    Ane Reis.
    mydearlibrary | Livros, divagações e outras histórias...
    @mydearlibrary


    ResponderExcluir
  4. eu desanimei com esse livro, fiquei bem empolgada quando lançaram mas depois de ler umas resenhas meio que a história perdeu o 'brilho', e olha que nem foram resenhas negativas, mas percebi que é uma história que não ia me agradar mesmo... enfim.. xD
    pode ser uma não-identificação com as personagens xD
    http://torporniilista.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Oiii!!
    Quando vi s sinopse do livro, sabia que tinha algo especial, que linda resenha! Vai ser uma das minhas próximas leituras!
    Beijos


    Elidiane
    Leitura Entre Amigas

    ResponderExcluir
  6. Eu estou ansiosa para lê-lo pelos mesmo motivos que você estava. Adorei a resenha e é bom saber que o livro é mais profundo do que parece.
    Beijos,K.
    Girl Spoiled
    http://girlspoiled.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Tinha visto comentários sobre o livro mas não sabia do que tratava, amo essa capa! *O*
    A história parece ser muito forte e linda, fiquei com muita vontade de ler, ótima resenha, gosto de livros assim e quero conhecer a história das amigas, o crescimento e perda.

    Obrigada pelo carinho. Beijos :*
    Claris - Plasticodelic

    ResponderExcluir
  8. oie Ju
    Eu li metade do livro em inglês e metade em espanhol rs
    Gostei muito, e quero ler tudo novamente.
    bjos
    www.mybooklit.com

    ResponderExcluir
  9. Oi Ju*
    O livro parece ser bom, um tema forte, mas não sei se o leria no momento.

    Beijos

    ResponderExcluir

Agradeço muito sua visita e peço que participe do blog, deixando um recadinho. Opiniões, idéias, sugestões, são muito importantes para fazer o blog cada vez melhor!
Assim que possível, retribuirei a visita.

Beijos, Julia G.