Anjo de Quatro Patas - Walcyr Carrasco

Sinopse: Uma linda história de amor e amizade entre um homem e seu cachorro.

Neste livro, o escritor Walcyr Carrasco registra os momentos mais engraçados e comoventes vividos ao lado de Uno, um cão que, além de um simples companheiro, tornou-se um verdadeiro amigo, ensilhou-lhe a enxergar as pessoas de outra maneira e, sobretudo, devolver-lhe a alegria de viver. Entre mordidas e lambidas, você irá rir e se emocionar com as aventuras desse anjo de quatro patas que renovou a rotina e os sentimentos de seu dono. (Skoob)
 CARRASCO, Walcyr. Anjo de Quatro Patas. Editora Gente, 2008. 196p.


Eu não sou uma pessoa de animais de estimação. Eu até já tive vontade de ter cachorros, mas depois de ter outros bichinhos em casa, eu descobri isso. Mas ainda assim, eu adorei o livro e senti um pouco do que o autor tenta transmitir.

O Uno foi personagem de outro livro do Walcyr, que eu amo, chamado Mordidas que Podem Ser Beijos. Aquele é mais ficção, porém. E esse aqui ele descreve como sendo fatos verdadeiros e ao mesmo tempo ficção, pela escolha dos fatos, o encadeamento, etc. No trecho abaixo dá para ver que o tema das mordidas continua.

 "Surpreendi-me ao descobrir que mordia delicadamente, com carinho. Ficou algum tempo lambendo e dando pequenas mordidas na minha orelha.
Minha tristeza foi substituída por um sentimento de alívio. Abracei-o. Afundei a cabeça nos seus pêlos.
-Meu amigo! - murmurei.
Descobri que não estava mais sozinho."

Esse husky siberiano veio num momento em que Walcyr precisava muito de alguém e ele mudou a vida dele. Não vou falar muito sobre isso porque quero que vocês descubram.

Além do que foi escrito especificamente para o livro, há algumas crônicas sobre o cachorro que foram publicadas em revistas, o que dá uma vibe meio Marley e Eu. Eu acredito que quem gostou dele, pode gostar de Anjo de Quatro Patas também.  

O livro é divertido e emocionante. E eu adoro a escrita do Walcyr de novelas a livros. Tem situações que provavelmente muitos donos de cachorro irão se identificar, e outras que farão os antissociais para animais (termo estranho que eu acabei de inventar pra não dizer anti-animais porque seria meio pesado) como eu terem ainda mais certeza de que não nasceram para isso, mas às vezes, vão até fazê-los duvidar.

Mah
Mah

Mais uma universitária tentando sobreviver, e como escrever (por prazer) me acalma, resenhas são uma terapia pra mim. Assim como doces, séries e ler.

8 comentários:

  1. Já tive alguns cachorros quando era mais nova, um por vez rs. Mas depois de uns tempos pra cá também não quero mais, da trabalho. O livro deve ser legal, pois animais de estimação são ótimos companheiros, divertidos e estão sempre por perto, mas tem que gostar e cuidar deles.

    ResponderExcluir
  2. Quando criança tive um cachorro e morria de medo, ainda tenho medo, mas é o meu psicológico, não gosto das patas na minha perna, mas amo muito animais, quero sim ter um, mas não agora. Já li Marley e eu e amei muito, e este livro parece ser tão bom quanto. Os animais são verdadeiros amigos do ser humano pena que algumas pessoas não veem isso.

    Visitem meu blog!
    https://garotaeraumavez.blogspot.com.br/
    Obrigada!

    ResponderExcluir
  3. Olá!
    Gostei mto do enredo, com toda ctz irei me emocionar mto com esse livro, amo animais, tenho animais de estimação desde pequena, amo mto....
    Bjs

    ResponderExcluir
  4. Olá!!
    Sempre me emociono com qualquer coisa relacionada com cachorros e tenho certeza que com esse livro não será diferente.
    Gosto de quando um livro fala sobre algo tão importante quanto uma amizade entre o homem e o seu melhor amigo. Bjos!

    ResponderExcluir
  5. Olá! Sempre gostei de ter animais de estimação, já tive cachorro, hoje me dia só tenho gatos, parece uma história super emocionante, fiquei bastante interessada em ler esse livro.
    Bjs

    ResponderExcluir
  6. Mah!
    Adoro animais de estimação e cachorros ainda mais.
    Bom ver o relato do Walcyr contando como Uno consiguiu ajudá--lo em momentos difíceis e mudar sua vida. Nossos bichinhos fazem isso conosco.
    É um livro que gostaria de ler, principalmente por conter fatos reais.
    Bom final de semana!
    “Ciência é conhecimento organizado. Sabedoria é vida organizada.” (Immanuel Kant)
    Cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA DE JULHO 3 livros, 3 ganhadores, participem.
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Nunca li, mas já imagino o quanto é emocionante. Eu amo animais, cães, gatos, pássaros... só quem teve um sabe o quanto eles são amorosos e, no quesito doação e fidelidade, os cães ganham disparados. Abraço!

    ResponderExcluir
  8. Eu tenho cachorros e gatos de animais de estimação, achei legal o autor ter registrado os momentos mais engraçados e comoventes vividos ao lado de Uno, bem interessante este livro, adicionei Anjo de Quatro Patas em minha lista de leituras e espero conseguir ler ele em breve.

    ResponderExcluir

Agradeço muito sua visita e peço que participe do blog, deixando um recadinho. Opiniões, idéias, sugestões, são muito importantes para fazer o blog cada vez melhor!
Assim que possível, retribuirei a visita.

Beijos, Julia G.