Vida Dupla - S. J. Watson

Sinopse: Quando Kate é assassinada, a única forma que sua irmã Julia encontra de lidar com o luto é fazer o trabalho da polícia: procurar o assassino. Porém, ao descobrir que a irmã tinha perfis em sites de relacionamentos para conhecer homens e fazer sexo com eles, virtual ou não, o que antes era uma busca por um criminoso se torna uma exploração de suas fantasias sexuais mais secretas. Mas isso coloca em risco seu casamento, sua família e sua própria vida. (Skoob)
WATSON, S. J. Vida Dupla. Record, 2016. 434 p.


Não adianta mais para mim aquele papinho de "não julgue o livro pela capa". Infelizmente vou continuar escolhendo o que ler assim, porque é a primeira coisa que chama a minha atenção. O que eu mais gostei na capa de Vida Dupla foi a confusão que ela me causou: se você prestar muita atenção nela, começa a embaralhar tudo. O melhor - ou pior, depende do ponto de vista - é que combina cem por cento com a historia. 

Preciso confessar para vocês que comecei a leitura desse livro com preguiça, e olha que isso raramente acontece comigo. Aqui, conhecemos a história de Julia, fotógrafa e mãe de família, que leva uma vida tranquila com seu marido e filho até que recebe a notícia que sua irmã mais nova, Kate, foi assassinada. Kate havia sido encontrada em um beco, sem nenhum sinal de abuso, com um trauma na cabeça. 

Apesar de o marido lhe dar certeza que a polícia está investigando o caso, passam-se meses sem uma mísera resposta sobre o assunto e cansada de esperar, Julia resolve procurar o assassino ela mesma. Tentando entender melhor a vida da irmã, Julia começa uma amizade com a ex-colega de quarto de Kate e, em uma das conversas, descobre que a jovem serpenteava em sites de relacionamento a procura de sexo casual e, em grande partes das vezes, virtual. Assim, Julia não coloca na cabeça que um desses homens é o assassino de Kate.

Mesmo com a polícia de olho nessas redes, Julia resolve criar uma conta para entrar em contato com alguns dos homens que Kate conversava. A partir daí, a mulher vira outra pessoa e começa a se envolver demais com os caras dos sites de relacionamento. Apesar de usar a desculpa de que tudo o que está fazendo é para esclarecer a morte da irmã, começa a esconder as coisas do marido e do filho. Então, sim, Julia começa a viver uma segunda vida, uma vida que precisa manter em segredo. 

Primeiramente, já queria começar deixando claro que, apesar de ter gostado muito do livro, muito mesmo, não concordei em nenhum momento com as atitudes da personagem principal. No começo eu até entendia as atitudes de Julia, ela só queria uma resposta, assim como qualquer pessoa que teve um amigo ou familiar assassinado. Só que a partir de certo ponto do livro, ela simplesmente parece "esquecer" a morte da irmã, que foi o motivo de ter começado a fazer tudo o que fez, e começa a dar mancada atrás de mancada.

Este parágrafo contém spoiler, se não quiser saber um detalhe importante da história, é só ir para o próximo. Bom, não é difícil de imaginar que a Julia começa a se relacionar com alguém que conhece na internet, e que trai o marido, e que esconde vários segredos, não é? O tempo inteiro fiquei me questionando o porquê da traição sendo que ela fala que Hugh é o melhor companheiro do mundo, que o ama, que não sei o quê lá mais. Eu não sou ninguém para julgar, longe disso, mas eu sinceramente acho que se você ama uma pessoa, não sente necessidade de outras - mesmo em situações mais delicadas, não justifica. 

O livro, que é dividido em cinco partes, só começa a pegar aquele ritmo frenético na terceira parte, que é onde as coisas sérias começam a acontecer. Só que mesmo com esse início lento, a gente fica tão envolvido com a história, tão curioso pra saber o que vai acontecer que não consegue parar de ler de jeito nenhum. A medida que os acontecimentos vão surgindo, vai dando aquele misto de raiva, angústia, medo pela personagem - ao mesmo tempo em que surge aquele sentimento de "será que ela está merecendo tudo isso que está acontecendo?" - e ansiedade para saber o desfecho da história. 

E o final, meus caros, foi realmente surpreendente. Uma pena eu ter lido o infeliz antes da hora — juro juradinho que foi totalmente sem querer, mas é uma longa história. De repente, todas as coisas envolvendo Julia, Kate e Connor, o filho de Julia, fazem sentido. Foi preciso um tempinho para digerir todos os fatos e a explicação dada. Creio que S. J. Watson conseguiu criar uma trama bastante complexa e sem furos, pelo menos na minha percepção. Vida Dupla é aquele tipo de livro que você pega para ler sem nenhuma expectativa, mas que acaba prendendo e deixando aquele gostinho de quero mais.

Leia Mais
3 comentários
Compartilhe:

Ao seu encontro - Abbi Glines

Sinopse: Há apenas alguns meses, um encontro inesperado numa casa em Rosemary Beach se transformou num romance de conto de fadas. Agora Reese está prestes a ir morar com Mase na fazenda dele, no Texas. Com o apoio e o amor da família do namorado e a recente descoberta de que ela mesma tem uma família com a qual contar, Reese pode enfim superar os horrores do passado e se concentrar no futuro promissor que a aguarda.
No entanto, no que depender de Aida, isso não vai acontecer. A beldade loura e Mase foram criados como primos, mas logo fica claro para Reese que o amor da jovem por ele está muito longe do que se deveria ter por um parente.
Ao mesmo tempo que Reese tenta entender a relação dos dois e não se sentir ameaçada, entra em cena Capitão, um estranho que parece estar, convenientemente, em todos os lugares que ela frequenta. Bonito, sensual, misterioso e dono de uma franqueza desconcertante, ele não tem medo de dizer o que pensa de Mase - nem como se sente a respeito de Reese.
Enquanto a competição pelo coração de Mase e de Reese esquenta cada vez mais, algumas perguntas em relação ao passado dela começam a ser enfim respondidas, revelando verdades chocantes que vão mudar para sempre a vida do casal.
Em Ao Seu Encontro, Abbi Glines conclui a história que começou em À Sua Espera. Com a escrita romântica e voluptuosa que a consagrou, ela constrói mais uma narrativa envolvente, com personagens que vão mexer com as nossas emoções até o final. (Skoob)
GLINES, Abbi. Ao seu encontro. Rosemary Beach #11. Editora Arqueiro, 2016. 224 p.


O primeiro contato que tive com a escrita de Abbi Glines foi bastante recente, quando li À sua espera, livro da série Rosemary Beach que conta o romance entre Mase e Reese. O último capítulo daquele livro deixou um imenso ponto de interrogação e uma enorme curiosidade, e eu queria logo compreender melhor aquela novidade trazida tão no finzinho da história.

Infelizmente, nesse aspecto, Ao seu encontro, que é sequência daquele volume, deixou um pouco a desejar. Eu estava ansiosa para saber mais detalhes da família de Reese e da busca empreendida para encontrá-la e, em vez de aproveitar o gancho e criar uma boa trama em cima disso, a autora "pulou" essa parte, comentando alguns acontecimentos bem superficialmente, e passou para uma trama totalmente diferente. Uma pena, já que se tratava de um contexto que poderia ser explorado com mais detalhes.

Ainda assim, após essa pequena frustração inicial, a leitura logo engrenou e devorei o livro em poucas horas. Também pudera, Abbi Glines tem uma escrita fluida e dinâmica e os capítulos curtos, de três ou quatro páginas cada, contribuem para aquele típico "só mais um capítulo" eterno. A narração em primeira pessoa, intercalada entre os protagonistas da história, que já era adotada no primeiro livro, continuou agradando, já que permite compreender a sinceridade de ambos os personagens.

"- Saber que minha filha está com um homem que é capaz e vai protegê-la com a própria vida é reconfortante para mim. Ela ama você, e posso ver que você a ama. Mas quero que entenda que, se em algum momento você deixar de amá-la ou não puder protegê-la, deve trazê-la para mim. Está me entendendo?
Eu jamais iria desistir de Reese. Por motivo nenhum.
- Estou. Mas esse dia nunca vai chegar. Reese é minha vida. Ela é o meu futuro."

Como no livro anterior, a trama envolve e é gostoso acompanhar o desenvolvimento do casal, o amadurecimento de Reese e Mase diante das dificuldades que enfrentam. Claro que se trata de um romance de entretenimento e não há um grande aprofundamento nos aspectos psicológicos para além dos sentimentos dos dois, mas os temas sérios tratados no primeiro livro, como abusos físicos e psicológicos, bem como a dislexia, trazem reflexos para esse segundo livro e eu gostei do crescimento dos personagens diante de tudo isso.

As cenas íntimas entre os dois foram bastante reduzidas, o que eu gostei, já que tirou espaço para as firulas irritantes que estavam presentes na trama anterior. Mesmo assim, ainda teve algo que não me agradou em Mase: seu ciúme exagerado. Claro que ciúme é até normal em um relacionamento, mas ele estava quase no limite do possessivo. A única coisa boa a respeito disso foi que a autora criou um personagem que conseguia se controlar e não tentou manipular Reese, mas eu não consegui deixar de me irritar um pouquinho com ele.

De todo modo, um dos aspectos mais interessantes da série Rosemary Beach é a interligação entre as histórias. Os personagens secundários desse livro são protagonistas de outros e, para quem já os conhece das leituras anterior, deve ser ótimo poder revê-los. Para mim, que só li esses dois livros da série, esse entrelaçamento serve para me deixar curiosa pelas outras tramas e, neste livro, fiquei louca para conhecer o romance de Kiro e Emily e para saber um pouco mais sobre o Capitão, principalmente.

Apesar dos aspectos que não me agradaram tanto na obra, Ao seu encontro teve um final fofo e romântico e foi uma leitura deliciosa de se fazer.

Leia Mais
7 comentários
Compartilhe:

Promoção: Harry Potter Ilustrado


Melhor que ler os livros de HARRY POTTER, é ler e ver belíssimos desenhos que ilustram cada um dos mais importantes acontecimentos da história. Por isso, o GETTUB e mais alguns blogs amigos, uniram-se para presentear um sortudo com as duas edições ilustradas da ROCCO, mais alguns brindes exclusivos. 

PARCEIROS
REGRAS
1. O vencedor precisa residir, ou ter endereço de entrega, em território nacional;
2. O período de inscrição será do dia 22/02/2017 ao dia 22/03/2017;
3. O GETTUB será responsável pelo envio dos PRÊMIOS. O prazo de envio é de até 30 DIAS ÚTEIS, e o GETTUB não se responsabiliza por danos, extravios ou retornos das encomendas;
4. O vencedor terá um prazo de 48 HORAS, após o resultado, para entrar em contato com o GETTUB. Caso contrário, o sorteio será refeito;
5. O contato com o vencedor será feito POR E-MAIL, apenas. Então, é muito importante que ele esteja correto ao preencher o formulário;
6. O resultado da promoção será divulgado no dia 23/03/2017;
7. Este sorteio é de caráter recreativo/cultural, conforme item II do artigo 3º da Lei 5.768 de 20/12/71 e dispensa autorização do Ministério da Fazenda e da Justiça, não está vinculada à compra e/ou aquisição de produtos e serviços e a participação é gratuita;
8. O blog GETTUB se reserva o direito de dirimir questões não previstas nestas regras.


FORMULÁRIO

As QUATRO primeiras entradas são OBRIGATÓRIAS e valem UM PONTO. Todas as outras são OPCIONAIS, mas cada uma vale CINCO PONTOS. Quantos mais pontos somar, mais chances tem de ganhar.


a Rafflecopter giveaway

Dúvidas quanto ao sorteio, deixe uma mensagem neste post.

BOA SORTE!

Leia Mais
5 comentários
Compartilhe:

Seduzida Por Um Guerreiro Escocês - Maya Banks

Fonte da imagem: Gettub
Sinopse: Eveline Armstrong é imensamente amada e protegida por seu clã, mas as pessoas a consideram diferente, pois apesar de ser linda e encantadora, a moça sofreu um acidente que lhe causou sequelas não só psicológicas, mas também físicas, visto que ela ficou surda. Satisfeita com sua vida reclusa, ela aprendeu a ler lábios e permitiu que o mundo a enxergasse como uma tola. Contudo, quando um casamento arranjado a torna esposa de Graeme Montgomery, integrante de um clã rival, Eveline aceita seu destino - despreparada para os deleites que viriam. Enredado pelos mistérios de Eveline, cujos lábios silenciosos são cheios de tentação, Graeme vê seu casamento ameaçado devido às rivalidades entre clãs e agora deverá enfrentar inúmeras adversidades para salvar a mulher que lhe despertou tanto amor. (Skoob)
Maya Banks. Seduzida Por Um Guerreiro Escocês. Editora Universo dos Livros, 2016. 338 p.


Maya Banks é ótima escrevendo livros Hot e New Adult, mas ela é genial escrevendo romances da época medieval.

Os Armstrong e os Montgomery são inimigos de sangue e têm um histórico de muita violência e guerra entre os dois clãs. Essa guerra já se entende por muitas gerações. Para reverter ou acalmar essa situação, o rei decreta que a única filha do Laird Armstrong deve se casar com o Laird Montgomery.

Eveline Armstrong é uma moça encantadora, muito forte e determinada, e é, também, muito protegida por seu clã, mesmo que leve a fama de ser louca.

Três anos atrás, ela estava noiva de um homem desprezível, que a aterrorizava. Em um determinado dia, ao sair a cavalo, ela sofre um acidente e só é encontrada três dias depois, queimando em febre, Após muitos dias inconsciente, ela acorda em um mundo silencioso. Como consequência de não ouvir mais, ela para de falar, já que não consegue distinguir a altura que sua voz está. Isso acaba levando sua família a acreditar que ela ficou louca depois da queda, o noivado é rompido e ela contínua se escondendo atrás da sua surdez por três anos, sem coragem de contar à sua família o real problema que ela tem.

No entanto, o decreto real á leva a temer novamente por sua vida.

Do clã Montgomery, temos Graeme, um homem justo e forte, de um caráter impressionante, que apesar de todas as desavenças com o outro clã, trata sua noiva com extremo carinho. A química entre o casal é quase que imediata, e os sentimentos vão surgindo aos poucos. Mas, até o desejado felizes para sempre, ainda há muito o que acontecer. 

No começo, Graeme e seus dois irmãos não ficaram nada feliz com o decreto real, no entanto, Eveline vai ganhando seu lugar no coração do seu novo clã e no do seu marido.

Uma coisa que me deixou bastante encantada, foi a capacidade que a Eveline tem de perdoar, de sempre tentar ver o lado positivo das coisas, mesmo quando as pessoas a machucavam, mesmo quando foi obrigada a abandonar seu lar e ir morar com o inimigo, mesmo quando foi humilhada e maltratada pelo seu novo clã. Ela levou o decreto como uma segunda chance, e estava disposta a fazer da sua nova vida o melhor que ela conseguisse.

Graeme foi um espetáculo a ser lido, ele é o tipo de mocinho que você ama nas primeiras páginas, ele entendia a situação que a Eveline estava sendo exposta e fazia de tudo para que ela se sentisse bem-vinda e amada, mesmo que para isso ele tivesse que ir contra seu próprio clã.

O livro é narrado em terceira pessoa entre Graeme e Eveline, o que nos dá uma visão mais ampla do que se passa no decorrer da narrativa.

O próximo livro da trilogia é sobre Bowen, um dos irmãos de Graeme, e para minha felicidade já está em pré-venda. Leitura super recomendada!

Leia Mais
14 comentários
Compartilhe:

Promoção: Sorteio Literário de Carnaval


Olha o Carnaval aí gente!!

Como não podíamos deixar passar a data em branco, unimos 27 blogs para o desfilar no Sorteio Literário de Carnaval! Vamos rechear a estante de livros nesse carnaval!

Não perca tempo e participe do sorteio. São vários livros divididos em 3 kits, com 3 ganhadores por kit. Encontre o seu preferido e participe! Ou participe de todos, aqui pode!


Kit 1 – Bloco de Embalo


Literalizando Sonhos - A Garota do Calendário - Janeiro | Escuta Essa - Comprometida + Marcadores
Minhas Escrituras - Quatro | Da imaginação à escrita - Cartas para o mundo
Resenhando Sonhos - Geek Love | Lost Girly Girl - Holy Cow
Saleta de Leitura - Beijada por um Anjo + Marcador | Seguindo o Coelho Branco - Chapeuzinho Esfarrapado + Marcadores
Pétalas de Liberdade - Mulheres e Meninas

Kit 2 – Bloco Lírico


O que tem na nossa estante - Becky Bloom ao resgate + Marcadores
Doces Letras - Dormindo com o Bilionário + Marcadores | Mademoiselle Loves Books - Cela sem portas
Entre Aspas - Perdendo-me + Marcadores | Histórias Literárias - Bruxa da Noite
Balaio de Babados - Ela está em todo lugar | Livro Lab - Pés descalços + Marcadores
Felicidade em Livros - A Garota que você deixou para trás | Conjunto da Obra - Boneca de Ossos

Kit 3 - Bloco de Enredo


Uma Mãe Leitora - A culpa é toda de Marte | Livre Lendo - Deixe-me Entrar + Marcador
Fabrica dos Convites - Quando Tudo Volta | Eu pratico Livroterapia - 172 horas na Lua
Diário de Incentivo a Leitura - Apenas um garoto | Cia do Leitor - Encontro
Lendo & Apreciando - Inquebrável | Livreando - Caixa de Pássaros
Passaporte Literário - Além dos Olhos



Pedimos a todos que estiverem participando que deixem um comentário nesta postagem com seu e-mail válido.

REGRAS

- As primeiras entradas do formulário são obrigatórias. Cumprindo as entradas obrigatórias você libera chances extras. Quanto mais participar, mais chances terá de ganhar!
- O sorteio começa no dia 20/02 e termina no dia 25/03;
- O ganhadores serão anunciados neste mesmo post e redes sociais (twitter,post do sorteio no facebook, histórias do instagram);
- Os ganhadores terão um prazo de 48 hrs para responder ao e-mail que será enviado. Caso não deem retorno dentro do prazo estipulado, realizaremos novo sorteio;
- Serão 3 ganhadores por kit, o primeiro ganhador escolherá três livros, o segundo escolherá três livros e o terceiro ganhador ficará com os últimos três livros restantes;
- Os blogueiros se responsabilizam em enviar o livro no prazo estimado de 60 dias, depois do resultado do sorteio;
- Não nos responsabilizamos por extravios do Correios, nem por dados informados erroneamente pelo destinatário;
- Os livros serão enviados separadamente, por cada blog;
- O sorteio é válido em todo o território nacional.

BOA SORTE !!!

Leia Mais
10 comentários
Compartilhe:

Adeus, promessas - Kristin Halbrook

Sinopse: Um menino está morto. Outro está ferido. E, aparentemente, a culpa é de Kayla. Ela presenciou algo que não devia. Mas não contou nada para ninguém. Ninguém sabe o que realmente aconteceu naquela noite: o porquê de ela estar dirigindo um carro que caiu numa vala depois da festa de sua melhor amiga; do que viu nas horas que antecederam o acidente, e da promessa que ela fez para sua amiga Bean antes de sair de férias. Agora, Kayla está voltando para casa para terminar o Ensino Médio. Se ela ficar calada, pode até recuperar a sua antiga vida de volta. Mas, se contar a verdade, corre o risco de perder tudo – e todos – que já amou na vida. Adeus, promessas é um romance emotivo e provocante sobre uma garota que precisa decidir entre o silêncio ou admitir ter sido testemunha de uma terrível agressão. Uma narrativa que trata dos limites entre o segredo e a mentira em uma sociedade predominantemente machista. (Skoob)
HALBROOK, Kristin. Adeus, promessas. Editora Plataforma21, 2016. 296 p.


Estupro não é cometido apenas por marginais ou pessoas mentalmente insanas. Estupro é cometido, também, por quem se acha seguro de que não será punido, que se acha superior, que é machista, que acha que qualquer garota, no fundo, gosta de sexo não consensual, e se não gosta, o problema é unicamente dela.


É assim que alguns garotos, de uma pequena cidade do interior dos EUA, pensam. Filhos de pais ricos e influentes, jogadores de futebol americano no colégio, bonitos, fortes, admirados por quase todos, eles se acham acima da moral e da vontade. Mas não fazem isso abertamente. Fazem pelas sombras, onde não podem ser vistos, onde não existem testemunhas, e certos de que as vítimas não terão coragem de os delatar.

Kayla tem como melhores amigas, o trio: Jen, Selena e Bean. Andam sempre juntas. Isso, até que Kayla, no meio de uma festa de fim de semana, presencia um desses estupros, justamente com uma de suas amigas. Presa, ameaçada e levada por dois dos rapazes, para dentro de um carro, ela é obrigada a dirigir. E, então, faz o que pensa ser possível para se proteger, e proteger a amiga: joga o carro em uma vala, e mata um dos rapazes.

A partir desse ponto, acompanhamos as consequências de seus atos, e dos estupradores, através de uma narrativa em primeira pessoa, que viaja, em capítulos alternados, entre o passado e o presente. Vamos, aos poucos, entendendo o que aconteceu, como aconteceu, ao mesmo tempo que presenciamos o que Kayla terá que suportar, enfrentar e aceitar após o que fez.


O interessante de Adeus, promessas, além, claro, da mensagem que passa sobre estupro, é o clima de alegria presente nos capítulos que contam o passado, e o clima tenso, pesado, esmagador, dos capítulos que contam o presente.

O leitor pode ter uma ideia clara de como as coisas que parecem certas, na verdade podem não ser assim tão certas. De como algumas pessoas, no caso os garotos, podem parecer príncipes maravilhosos, belos, invencíveis, quando, na verdade, são monstros insensíveis, que podem destruir a vida de garotas, pelo único objetivo de transar.

É através dessa alternância que você vê o comportamento alegre de um personagem em um capítulo, para, no capítulo seguinte, ver sua verdadeira face. É uma paralelo incrível, e totalmente crível. É isso que muitas garotas vivenciam nas suas escolas, nos seus trabalhos, na rua, em qualquer lugar.


Por natureza, todos os homens, e, sim, estou generalizando, porque, como homem, sei que é verdade, são machistas e autoritários em relação à mulher. O caráter é o que nos impede de sermos monstros abusadores e agressores. É como se nós fossemos culpados desde que nascemos, e nossos atos é que nos salvam de uma condenação.

Isso também é demonstrado em Adeus, promessas, através de Noah, um garoto que sofre preconceito por ser das Filipinas, e que é o único que se aproxima de Kayla após o acidente. Ele desconfia do que aconteceu de verdade, mas não tem certeza. Mas ele sabe que pode ser verdade. Ele conhece sua raça. E quando tem certeza, sua reação é ambígua. Como se pudesse existir alguma culpa por parte da garota estuprada. Afinal, essa é a desculpa da maioria das pessoas que não acredita, inicialmente, que o estupro acontece por culpa do homem, mas porque a garota se veste de forma provocante, que atiça os garotos, que a culpa é dela por ser bonita e por os garotos não conseguirem se controlar.


Apesar de tudo isso, Adeus, promessas não chega a ser tão impactante quando eu esperava. Ele parece ter sido escrito para mostrar uma ferida aberta da sociedade, mas de forma a não tocar nessa ferida com o dedo. Ele reflete mais uma realidade da classe média-rica americana, onde esses crimes são tratados com sutilezas.

Ao final do livro, a autora conversa com o leitor sobre o estupro, e incentiva as garotas a tomarem uma atitude se forem molestadas e sofrerem algum tipo de abuso. Acho isso muito válido e importante. Conversar sobre estupro, nunca é demais. Assim como ler obras deste tipo.

Leia Mais
8 comentários
Compartilhe:

Simplesmente Amor - Helena Andrade

Sinopse: Um amor que nem mesmo a perda da memória foi capaz de apagar.
Imagine encontrar o amor verdadeiro, vivenciá-lo em sua plenitude e depois perdê-lo nas entranhas da mente.
Ao realizar uma viagem de férias à Europa, Alicia vive momentos que não só podem mudar seu futuro, mas também lhe trazem revelações do passado. Quando retorna ao Brasil, um acidente a coloca entre a vida e a morte, tendo como consequência a perda das lembranças. Sem consciência de suas experiências, ela retoma sua vida, casa com o antigo namorado e deixa o acaso conduzi-la. Porém, seu corpo começa a mostrar-lhe que existem mistérios por trás da amnésia, algo tão profundo que nem mesmo a perda da memória foi capaz de apagar. (Skoob)

Livro recebido em parceria com a Editora.
ANDRADE, Helena. Simplesmente Amor. Editora Ler Editorial, 2016. 210 p.


Simplesmente Amor foi uma leitura bem gostosa de se fazer. Com uma história bem bonita, que aquece o coração do leitor. O livro conta a história de Alícia, um jovem de 27 anos voltando de uma viagem que fez à Londres. Pouquíssima coisa foi revelada neste começo, mas tudo indicava que a moça havia encontrado uma nova paixão neste país.

Porém, por infelicidade do destino, Alícia sofre um acidente nesta volta, ficando em coma por alguns dias e perdendo a memória. Tudo o que aconteceu na sua viagem, foi apagado. E para completar a confusão, ela descobre que está grávida. Então decide se casar com Caio, o rapaz com quem ela namorava antes de viajar.

"Tinha que admitir que algumas escolhas, por mais corretas que pudessem parecer, nem sempre nos levavam ao melhor caminho."

O casamento não ia nada bem, Alícia sabia que antes da viagem os dois brigaram, mas não  conseguia se lembrar do motivo, tudo ficou muito confuso para ela. Percebendo ter tomado uma decisão precipitada, ela decide por um ponto final neste casamento que não estava dando nem um pouco certo.

"O vazio em minha mente tornou-se o vazio em meu coração."

Alícia foi vivendo sua vida, sentindo aquele vazio que a perda de memória causou. Até que um dia, acabou conhecendo Miguel, irmão de seu chefe no trabalho. Este encontro inesperado foi um tanto estranho, Miguel pareceu irritado ao ver a moça. Mas parecia haver alguma coisa que ligava os dois e aos pouquinhos foram em busca de uma linda história de amor.

Eu não sei qual foi a intenção da autora, mas posso dizer que matei a charada logo no começo do livro. Isso não tirou o brilho da história, muito pelo contrário. Mesmo sabendo o que ia acontecer, eu estava louca para saber como ia acontecer, precisava saber sobre todos os detalhes dessa história linda. Além dessa confusão toda, Alícia descobre coisas muito importantes sobre sua vida, o que deu ainda mais emoção ao livro.

Alícia é uma moça adorável, que ama a sua família e tem um carinho enorme pelo filho. A forma como a autora descreveu essa relação é muito tocante. Ela é aquela típica personagem que merece ser feliz. Miguel é um homem que a maioria das mulheres deseja, carinhoso, atencioso, sexy... Um tanto misterioso também! Mas ao final do livro descobrimos todos os seus motivos.

Outra coisa que merece destaque é a família de Alícia. A autora conseguiu criar um lar tão bonito, onde amor e compreensão prevalecem, mesmo com as diferenças de cada um, os sentimentos bons sempre são  maiores que tudo.

A história segue um pouco corrida no começo do livro, ficando mais profunda a partir do encontro entre Alícia e Miguel. Os dois se complementam de uma forma muito bonita, possuem uma conexão muito forte. A autora tratou o romance dos dois com muita delicadeza. Não tem como não torcer por esses dois.

"Sinto Miguel me pressionar junto a seu corpo. ele acaricia meus cabelos, removendo-os do pescoço. A música altera para tons mais suaves. A voz do vocalista, misturada ao som do baixo, penetram em mim. A melodia é profunda a ponto de tocar minha alma. Sinto seus lábios em meu pescoço e me arrepio. Se virar irei beijá-lo."


A única coisa que me incomodou durante a leitura foi o uso excessivo de exclamações. Na maioria dos diálogos havia um "!" no final, fazendo com que parecesse que o personagem estivesse sempre surpreso ao conversar. Mas de resto, não tenho do que reclamar. A capa está bonita, bem de acordo com a história e no começo de cada capítulo tem uma decoração florida bem bonitinha, muito capricho da editora.


Leia Mais
9 comentários
Compartilhe: